PUBLICIDADE



Fenics 2017
Inicio » Mais Seções » Turismo » Turismo – Secretaria de Turismo de Minas lança projeto “Vem Passarinhar MG”

Turismo – Secretaria de Turismo de Minas lança projeto “Vem Passarinhar MG”


Reviewed by:
Rating:
5
On 20 de maio de 2017
Last modified:20 de maio de 2017

Summary:

Turismo - Secretaria de Turismo de Minas lança projeto “Vem Passarinhar MG”

Turismo – Secretaria de Turismo de Minas lança projeto “Vem Passarinhar MG”

Programa define roteiros para apreciadores de aves nos parques do estado. Primeira edição será no Serra Verde, com caminhada por trilhas e palestra. 

Turismo - Secretaria de Turismo de Minas lança projeto “Vem Passarinhar MG” - Foto:  Ricardo Cozo
Turismo – Secretaria de Turismo de Minas lança projeto “Vem Passarinhar MG” – Foto: Ricardo Cozo

 

Com o objetivo de fomentar o turismo nos Parques Naturais de Minas Gerais, a Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais (Setur-MG) lança nesta sexta-feira (19/5) o projeto “Vem Passarinhar MG”, durante a 12ª edição da Feira Brasileira de Observação de Aves (Avistar), no Instituto Butantã, em São Paulo.

Durante o evento, considerado o maior no setor de observação de aves da América Latina, que prossegue até o domingo (21/5), a Setur divulgará o calendário 2017 e realizará uma capacitação e atendimentos específicos no estande, em parceria com o Instituto Estadual de Florestas (IEF), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), os Circuitos Turísticos Serras Verdes do Sul de Minas e as agências de turismo, DestinosMG, Maritaca Expeditions e Uai Trip.

Em sua primeira edição, o “Vem Passarinhar MG” terá início no dia 4 de agosto, com o projeto piloto, no Parque Estadual Serra Verde. Posteriormente, a programação acontecerá ao longo de quatro meses, com caminhadas mensais. O projeto promove a observação e o monitoramento de aves como ferramentas de conscientização e conservação das espécies e seus habitats.

Os participantes poderão percorrer por trilhas de regiões definidas, seguida de palestras sobre a importância da observação de aves e outros temas relevantes para a comunidade local. Vale ressaltar que os eventos contarão com a presença de um convidado para ministrar uma palestra intitulada “Papo de Passarinho”. 

Biomas  e diversidade

Promovendo e fomentando o ecoturismo, Minas Gerais é rica em belezas naturais e cenários exuberantes. Coberto por três biomas – Mata Atlântica, Cerrado e Caatinga -, o estado possui relevo acidentado, onde encontramos mais de 40% das espécies de aves registradas no país.

Segundo o secretário de Estado de Turismo de Minas Gerais, Ricardo Faria, o projeto é uma ferramenta positiva para atrair um público diferenciado para a prática de observação de aves, que segue em expansão.

“O projeto atrai estudiosos de outros estados brasileiros e muitos adeptos de outros países, como Alemanha, Canadá e Inglaterra. Vamos aproveitar a oportunidade e apresentar Minas Gerais e seus inúmeros atrativos”, afirma o secretário.

Para conhecer e traçar o perfil do público, uma pesquisa de demanda será realizada durante a feira. A expectativa é que sejam aplicados 400 questionários, a fim de colher informações que permitam definir ações estratégicas focadas no setor.

“Por meio da pesquisa podemos conhecer melhor nosso público alvo e estabelecer um plano de ação que favoreça e qualifiquem nossas atividades para o setor”, conclui Ricardo Faria.

 

Calendário do Vem Passarinhar MG 2017

Parque Estadual Serra Verde – Belo Horizonte (projeto piloto- público restrito)

Data: 4 de agosto de 2017

Horário: 7h

 

Circuito Villas e Fazendas – Santana dos Montes

Data: 26 de agosto

Horário: 7h

 

Parque Nacional Serra do Cipó – Jaboticatubas

Data: 9 de setembro

Horário: 7h

 

Parque Estadual do Rio Doce – Marliéria

Data: 21 de outubro

Horário: 7h

 

Parque Estadual do Itacolomi – Ouro Preto

Data: 18 de novembro

Horário: 7h 

Avistar Brasil

O Avistar Brasil é um encontro anual de observadores de aves, com oficinas, feiras, congresso, atividades culturais e educacionais. Promove o registro, conservação e conhecimento de nossa avifauna, estimula uma relação saudável com a natureza, o turismo responsável, a ciência-cidadã e a relação responsável dos usuários com as unidades de conservação.

Para mais informações: www.avistarbrasil.com.br


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaços abaixo são destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail valido).