Inicio » Minas Gerais » MG – Exército Brasileiro realiza fiscalização de explosivos em Minas Gerais

MG – Exército Brasileiro realiza fiscalização de explosivos em Minas Gerais

MG – Exército Brasileiro realiza fiscalização de explosivos em Minas Gerais

O Exército Brasileiro, por meio do Sistema de Fiscalização de Produtos Controlados, realiza, a partir de 19 de setembro, a Operação Dínamo V.

MG - Exército Brasileiro realiza fiscalização de explosivos em Minas Gerais
MG – Exército Brasileiro realiza fiscalização de explosivos em Minas Gerais

 

A Diretoria de Fiscalização de Produtos Controlados coordenará os trabalhos operacionais, que serão desenvolvidos, simultaneamente, pelas 12 (doze) Regiões Militares, alcançando todo o território nacional.

A Operação visa intensificar a fiscalização de todo o ciclo de vida dos materiais explosivos, ou seja, a documentação, as condições de segurança, o controle da produção e estoque, o armazenamento, a comercialização, o transporte e, finalmente, a utilização. Em todo o Brasil serão fiscalizados mais de 750 estabelecimentos, empregando aproximadamente 1.000 militares do Exército Brasileiro.

Em Minas Gerais, a coordenação ficará a cargo da 4ª Região Militar, mais alto Escalão do Exército Brasileiro nesse estado, em uma ação interagências, com o objetivo de fiscalizar explosivos nas mineradoras e pedreiras. Além dos militares do Exército, equipes da Polícia Militar de Minas Gerais, Polícia Civil e Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável participam da Operação. Serão fiscalizadas 67 empresas, distribuídas por 34 municípios do estado.

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaços abaixo são destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail valido).