Inicio » Norte de Minas » Norte de Minas – Temporal deixa pelo menos 400 famílias ilhadas em Janaúba

Norte de Minas – Temporal deixa pelo menos 400 famílias ilhadas em Janaúba

Norte de Minas – Temporal deixa pelo menos 400 famílias ilhadas em Janaúba

Cerca de 400 famílias ficaram ilhadas depois de um temporal na cidade de Janaúba. Uma lagoa transbordou e a água invadiu residências. Alguns moradores tiveram que transitar pelas ruas de barco. 

Norte de Minas - Temporal deixa pelo menos 400 famílias ilhadas em Janaúba
Norte de Minas – Temporal deixa pelo menos 400 famílias ilhadas em Janaúba

 

Na madrugada desta segunda-feira, em menos de quatro horas, choveu 120 milímetros, volume esperado para o mês todo, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Com isso, a lagoa do bairro Dente Grande transbordou, a água invadiu casas e alagou as ruas, interditando a passagem de carros, motos e pedestres. A apenas caminhões de grande porte conseguiram passar.

Um verdadeiro rio tomou conta das casas, os moradores ficaram desabrigados e tiveram que procurar abrigo em residências de familiares. Uma senhora de 63 anos precisou ser socorrida de barco pelo Corpo de Bombeiros.

“Não identificamos nenhum desabrigado que necessite de abrigo público. É importante alertar para os cuidados com ruas alagadas, vemos, especialmente crianças brincando nas vias. Deve-se evitar transitar por locais alagados e não ficar próximo de bueiros. A água pode estar contaminada e algumas doenças podem ser contraídas”, ressalta o tenente Farley Michael Silveira, do Corpo de Bombeiros.

Prefeitura monitora situação

O vice-prefeito de Janaúba, sargento Elton Freitas, afirmou que a prefeitura ainda não pensa em decretar situação de emergência porque o cenário ainda não é grave na cidade, apesar do número de pessoas ilhadas.

“Apesar de tudo, ainda não há desabrigados na cidade. O problema é que a chuva é muito forte e algumas pessoas moram em locais de risco. A situação inspira cuidados e, por isso, estamos monitorando a enchente na lagoa do bairro Dente Grande, onde diversos córregos deságuam”, disse o vice-prefeito.

“Já temos pelo menos 400 famílias ilhadas, que estão isoladas do restante da cidade e sem poder atravessar para outros bairros. Isso nos trás uma grande preocupação, mas não vamos decretar situação de emergência por enquanto. Vamos monitor e resolver a situação dessas pessoas primeiro”, completa.

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaços abaixo são destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail valido).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *