Publicidade FENICS 2108 - RESERVE JÁ,JÁ, SEU STAND!  

PUBLICIDADE

COPASA - MONTES CLAROS
Inicio » Concursos » Sem dinheiro, Minas Gerais oficializa concursos para 17 mil vagas no ano de 2018

Sem dinheiro, Minas Gerais oficializa concursos para 17 mil vagas no ano de 2018

Sem dinheiro, Minas Gerais oficializa concursos para 17 mil vagas no ano de 2018

Em meio à crise de não conseguir quitar em dia os salários dos servidores estaduais e com o orçamento aprovado para 2018 com déficit de R$ 8 bilhões, o governo de Minas confirmou a realização de concursos para preencher vagas na Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), na Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) e também na Secretaria de Estado de Educação (SEE) para 2018. Só para a área de educação, serão 16 mil vagas para professores e outras 700 para o cargo de especialista de educação básica. Juntos, os três setores vão oferecer quase 17 mil postos de trabalho.

Sem dinheiro, Minas Gerais oficializa concursos para 17 mil vagas no ano de 2018
Sem dinheiro, Minas Gerais oficializa concursos para 17 mil vagas no ano de 2018

 

De acordo com a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), as novas contratações na Cemig e na Codemig não representarão gastos a mais nos cofres do Estado, pois elas são empresas estatais e que possuem orçamentos próprios.

Sobre o concurso da pasta de Educação, a Seplag disse apenas que a realização está garantida por um decreto e que outras informações sobre o processo seriam fornecidas pela SEE. O subsecretário de Gestão de Recursos Humanos da pasta, Antonio David de Sousa Junior, passou a tarde dessa terça-feira (26) discutindo os últimos detalhes do edital e não pôde conversar com a reportagem. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Educação, o edital será divulgado até a próxima sexta-feira com todas as informações do processo.

Na época em que o concurso foi autorizado pelo governo, a secretária de Educação, Macaé Evaristo, afirmou que o novo processo se juntaria à política do Estado de “valorização do servidor”. “Isso vai contribuir para que, no ano que vem, a gente consiga a maioria de servidores efetivos no conjunto das carreiras da Educação”, disse Macaé na ocasião.

A reportagem tentou contato com a presidente do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (SindUte), Beatriz Cerqueira, para comentar sobre o concurso, mas ela não atendeu as ligações.

Mais vagas. Somente a Cemig vai realizar dois processos de seleção. O primeiro, para eletricistas e mantenedores, está com inscrições abertas até o dia 11 de janeiro, e as provas serão realizadas em fevereiro. Serão oferecidas 47 vagas.

Além disso, a estatal vai abrir inscrições em fevereiro para preencher mais 109 postos de trabalho para níveis médio, técnico profissionalizante e superior.

Já a Codemig encerra nesta quinta-feira (28) o período de inscrições para o concurso da estatal, cujas provas serão aplicadas no dia 28 janeiro. Ao todo, são oferecidas 19 vagas para níveis médio, técnico e superior.

Vagas na UFMG e na Câmara

A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) publicou edital para o preenchimento de 56 vagas na instituição, para todos os níveis de escolaridade. As inscrições começam no dia 19 de fevereiro e terminam no dia 12 de março.

Já o concurso da Câmara Municipal de Belo Horizonte, que oferece 102 vagas para níveis médio e superior, encerra as inscrições no próximo dia 4 de janeiro. Outras informações pelo site www.consulplan.net.

Leia Também

Motociclista morre após ser atingido por banheiro químico no Norte de Minas

Motociclista morre após ser atingido por banheiro químico no Norte de Minas

* Por: Jornal Montes Claros - 22 de Maio de 2018. Motociclista morre após ser …

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas. O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *