Inicio » Mais Seções » Tecnologia » Conheça 6 passos para montar uma loja virtual

Conheça 6 passos para montar uma loja virtual

Conheça 6 passos para montar uma loja virtual

Uma das possibilidades de lucro que a Internet oferece nos atuais tempos de conectividade e de redes sociais é a de atuar com um e-commerce. Por isso, saber como montar uma loja virtual lucrativa é um passo importante para impulsionar os negócios na Internet.

É possível afirmar que uma loja virtual funciona como uma modalidade de investimento interessante, principalmente pela grande aceitação do e-commerce. Hoje em dia, cada vez mais, as pessoas consideram mais cômodo e prático comprar pela Internet.

A possibilidade de pesquisar por um produto sem a necessidade de sair de casa, utilizando apenas o computador, é bastante sedutora. Sendo assim, é fácil entender porque as lojas virtuais são ótimas opções de negócios.

Uma loja virtual atua como um eficiente canal de vendas, possibilitando que a negociação dos produtos seja realizada até mesmo de um país para o outro.

O investimento em uma loja virtual traz uma série de benefícios. Entre eles é possível citar a possibilidade de disponibilizar os seus serviços 24 horas por dia, atender a um perfil bastante variado de clientes e também contar com mais autonomia para trabalhar.

No entanto, na hora de montar uma loja virtual, você deve estar ciente de todos os aspectos técnicos que tal empreendimento necessita, tais como segurança dos seus dados e dos seus clientes, uma eficiente política de pagamentos e até uma maneira viável de demonstrar os produtos que você oferece.

Etapas para a criação de uma loja virtual

Montar uma loja virtual não é difícil, porém é necessário boa organização e um bom conhecimento acerca de alguns aspectos técnicos envolvendo um investimento online.

A seguir preparamos 7 passos para você montar a sua loja virtual e assim poder investir no comércio eletrônico. Aproveite as dicas!

1-Registre um domínio

Ter uma loja virtual é ter um site. Sendo assim, para você poder atuar com o seu comércio eletrônico, você deve efetuar o registro de um domínio, ou seja, dar um nome e endereço para a sua loja.

Existem algumas alternativas de domínios, tais como o “.com”, o “.net” e também o “.xyz”. O mais comum, nesse caso, é utilizar o “.com”, pois a maioria das pessoas já está habituada com ele.

Lembre-se de quando registrar o seu domínio, escolher um nome de fácil memorização para o cliente e que, além disso, tenha relação com os tipos de produtos e serviços que a sua loja virtual vai oferecer.

2-Escolha a hospedagem para o seu e-commerce

Se o domínio é importante, a hospedagem também é. Sem uma boa hospedagem a sua loja virtual poderá apresentar problemas.

Além disso, a hospedagem de sites pode oferecer serviços extras e muito importantes para o desempenho e a segurança da sua loja virtual.  

Atualmente você pode contar com alguns tipos, tais como hospedagem compartilhada, servidor dedicado e, caso seja necessário, VPS, também chamado de Servidor Virtual Privado.

3-Tenha bastante espaço

Diferente de um site institucional, um e-commerce exige mais recursos de uma hospedagem e por isso é preciso se atentar às questões dos planos disponibilizados.

Para montar uma loja virtual, é essencial que você tenha uma hospedagem que disponibilize um bom espaço, pois geralmente um e-commerce conta com uma série de recursos como fotos e imagens.

4-Escolha a plataforma e monte a sua loja virtual

Atualmente você pode contar com várias maneiras para criar uma loja virtual. Para isso existem plataformas com recursos intuitivos, onde você tem condições de personalizar o seu e-commerce da maneira que considerar viável.

Entre as opções do mercado estão o Magento, as plataformas prontas e até mesmo o WordPress que também pode ser usado para construir um excelente e-commerce.

5- Invista na Segurança Digital

Quando se fala em comprar pela Internet é fundamental que o seu site apresente ferramentas necessárias para que os seus clientes se sintam seguros ao comprarem na sua loja. Por isso, é essencial contar com um tipo de hospedagem que ofereça o certificado SSL.

Esse certificado assegura que senhas, nomes, números de CPF e outros dados relevantes permaneçam protegidos. Dessa maneira, o seu site se tornará mais confiável e as transações mais seguras.

6- Pense nos métodos de pagamento

Uma das primeiras coisas que os clientes fazem quando o assunto é compra online é pensar em como será efetuado o pagamento. Nesse caso, é possível optar por algum Gateway de pagamento, onde é preciso se cadastrar aos bancos.

A vantagem de um usar um Gateway é que ele fornece para você todas as informações financeiras em um painel de controle financeiro. Além disso, a transação comercial é efetuada na página do seu site.

Outro método e mais adequado para grandes empresas e que já contam com um bom capital, é a integração direta. Trata-se de um método onde se escolhe uma plataforma específica de pagamento e a integra diretamente na loja virtual.

Conclusão

Se hoje em dia uma loja virtual representa uma maneira sólida e segura de investimento, saber como montar esse tipo de empreendimento também é um fator relevante. Por isso, diante dos recursos acima, você terá plenas condições de colocar em prática o seu negócio online.

Por fim, lembre-se também de compartilhar essas dicas em suas redes sociais e entre os seus contatos. Afinal,  criar uma loja virtual é fácil e possível.

Leia Também

O advogado Fillipe Freitas alerta para decisão do STJ sobre benefício do INSS

Nem sempre observado, adicional de 25% na aposentadoria pode ser requerido por lei

* Por: Jornal Montes Claros - 19 de setembro de 2018. Aposentados que comprovem a …

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *