Empréstimo Consignado para aposentados, pensionistas do INSS

Últimas Notícias
Casa das Apostas Online Betway

Plano de revitalização da sub-bacia do rio Juramento

Plano de revitalização da sub-bacia do rio Juramento

Representantes da Emater apresentaram nesta quarta-feira, 4, ao prefeito de Montes Claros, o resultado de um estudo realizado durante noventa dias na sub-bacia do rio Juramento.

Plano de revitalização da sub-bacia do rio Juramento
Plano de revitalização da sub-bacia do rio Juramento

 

O diagnóstico foi solicitado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. O objetivo da reunião foi conseguir apoio para ações de revitalização no local, o que irá beneficiar o abastecimento de água em Montes Claros.

Participaram da reunião representantes de entidades públicas e privadas ligadas à causa ambiental, representantes de organizações não governamentais, secretários do município e vereadores. Durante o encontro, os técnicos da Emater detalharam o estudo hídrico e geológico realizado na sub-bacia, o que envolve rios como o Verde Grande, Saracura e Ribeiro.

O estudo concluiu que diversas ações devem ser adotadas para conter a degradação das nascentes e das matas ciliares da sub-bacia. Entre as medidas a serem implantadas estão a regularização da vazão, a readequação em áreas degradadas e a contenção de estradas irregulares.

Também durante o encontro foi apresentado ao prefeito de Montes Claros um estudo realizado na cabeceira do rio Pacuí e no percurso do rio São Lamberto. De acordo com o diretor técnico da Emater, João D’angelis, medidas emergenciais devem ser adotadas para evitar que danos maiores sejam causados na região. “Um dos principais problemas apontados é o reflorestamento com o eucalipto. A bacia do rio Juramento é essencial para as cidades de Montes Claros e Juramento, por isso, qualquer ação precisa receber o apoio dos dois municípios”, destacou.

O secretário municipal de Meio Ambiente,  chamou a atenção para o abuso do poder econômico em diversos locais. “Hoje vemos a força do capital contribuindo para a desertificação de áreas importantes. É essencial que um trabalho conjunto seja iniciado para salvar estas importantes áreas”, pontuou.

O prefeito de Moc elogiou o estudo realizado.

Quer saber as notícias do Jornal Montes Claros em primeira mão? Siga-nos no Facebook @jornamoc, Twitter @jornalmoc e Instagram @jornalmoc.