Vaga no Bolso
Inicio » Mais Seções » Tecnologia » Se prepare usando um robô de financiamento

Se prepare usando um robô de financiamento

Se prepare usando um robô de financiamento

A inteligência artificial vem a cada dia mais se infiltrando em momentos de nossa vida diária. Já ultrapassou as aplicações industriais e vem se mostrando cada vez mais presente no suporte a tarefas do dia a dia, menos complexas, porém não menos importantes. Nesse artigo, falaremos do uso de robôs para o financiamento imobiliário.

.

Conheça as diferenças entre os robôs de investimento

 

O que é um robô de financiamento

Um robô de financiamento é um robô de atendimento que utiliza recursos desenvolvidos por inteligência artificial, cujo objetivo principal é estabelecer uma interação com um ser humano, através de texto ou voz, para a realização de uma tarefa em especial. É bastante comum que sejam conhecidos pelo nome de Chatbots.

Dados da empresa de consultoria Grand View Researche mostram um mercado que se encontra em franca expansão, com uma taxa de cerca de 25% de crescimento ao ano. Estima-se que até o ano de 2025 ele movimentará no mercado um pouco mais de US$ 1,20 bilhão de dólares.

No Brasil, as estimativas não são menos animadoras. O Chatbox, primeiro robô de atendimento desenvolvido para apoio ao mercado imobiliário acaba de atingir a marca de R$ 100 milhões em vendas de imóveis.

Ele foi pré-lançado em setembro do ano passado e é usado por mais de 30 empresas, já tendo realizado mais de 5.000 atendimentos com uma taxa de conversão de leads em vendas 8 vezes maior.

O que ele faz

Sua aplicação no setor de financiamento imobiliário envolve, em um primeiro momento, uma entrevista com o cliente em potencial. O robô, funcionando como uma espécie de atendente virtual e dispondo dos recursos da inteligência artificial, entrevista o cliente buscando compreender sua intenção de compra.

Ainda dentro desse primeiro contato, o robô obtém dados como nome, endereço, email, como pretende pagar e quanto, o contato do corretor, em quanto tempo pretende tomar a decisão e todo e qualquer dado que tenha relevância para a continuidade da transação. Somente depois o corretor recebe o que se chama de “Lead enriquecido”.

Quando concluída essa parte o cliente é encaminhado para um corretor. É importante salientar que, diferente de muitas pessoas e organizações que pensam e divulgam ideias negativas e contrárias quanto aos usos da inteligência artificial , os robôs não foram, em absoluto, desenvolvidos para substituir a figura do corretor.

Pelo contrário, eles surgiram para sim, maximizar o tempo desse profissional e ajudar a garantir maior produtividade gerando leads mais qualificados e, consequentemente, maiores vendas.

Vantagens e desvantagens

Podemos citar várias vantagens do uso dos robôs no atendimento no mercado imobiliário. Uma delas é a velocidade no processamento de informações e definição do perfil do cliente em potencial. Não somente a velocidade no trato com as informações, mas a precisão embutida no processo de levantá-las, registrá-las e transmiti-las.

Outra vantagem bastante perceptível é a possibilidade de desenhar um processo de atendimento que conduza o cliente através de questionamentos cabíveis ao mesmo, o que proporciona uma melhor precisão, conforto e agilidade na primeira fase do contato. Traçando um perfil bem detalhado para apoio aos corretores no processo de negociação.

Quanto às desvantagens podemos dizer que o uso dos robôs no atendimento pode soar algo impessoal junto a alguns clientes. Por envolver a compra de um imóvel, bem de grande valor monetário e, portanto envolvendo muitos riscos, alguns deles se sentem inseguros em iniciar o processo com uma máquina.

Em sua concepção, por mais tecnologia que envolva o robô, algo tão sério não deveria ser tratado de maneira impessoal, ainda que as informações que o cliente tenha que dispor dados bastante simples. Podemos afirmar aqui, que há uma barreira psicológica que faz com que algumas pessoas se recusem a ser atendidas pelo robô.

Ainda que hajam restrições de natureza comportamental quanto a um atendimento, já está provado que o uso dos mesmos vem sendo um sucesso. A agilidade e precisão conferidas ao processo, por outro lado, dão mais segurança aos clientes quanto ao perfil que chegará às mãos do corretor.

A possibilidade de pesquisar e analisar uma quantidade e, por conseguinte, um número maior de opções de imóveis que caibam no financiamento que se tem como objetivo graças aos recursos da Inteligência Artificial também são fortes fatores que colaboram para o sucesso da mesma.

Sendo assim, existe uma forte possibilidade de quando você fizer seu financiamento imobiliário seja com um auxílio, bastante substancial, de robô de financiamento.

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *