Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias
Curso - Fórmula da Eleição 2020
Inicio » Norte de Minas » Norte de Minas – Polícia Civil prende uma rede de agenciadores de carteira de habilitação no Norte de Minas

Norte de Minas – Polícia Civil prende uma rede de agenciadores de carteira de habilitação no Norte de Minas

Norte de Minas – Polícia Civil prende uma rede de agenciadores de carteira de habilitação no Norte de Minas

Norte de Minas – Na manhã desta terça-feira (05), foi apresentada à imprensa, os resultados, da  Operação Habilitare, realizada  pelo 11º Departamento da Polícia Civil , 1ª Delegacia Regional de Montes Claros, Delegacia de Investigações Especiais – DIE,  Delegacias das Comarcas de Coração de Jesus e Bocaiúva, com o apoio da Polícia Civil do Estado da Bahia.

Cúpula da Chefia 11º Departamento da Polícia Civil/Crédito: Diana Maia
Cúpula da Chefia 11º Departamento da Polícia Civil/Crédito: Diana Maia

 

Na  Operação, batizada como Habilitare, que aconteceu  nessa segunda -feira (04), foram cumpridos, mandados de prisão temporária, sendo presos na cidade de Coração de Jesus, G.E.C.C, 47 anos, que tinha a função de aliciador e motorista que transportava os candidatos até a cidade de Jequié/BA.

Na  rota para a cidade de Jequié/BA, também foi preso C.B.S., 48 anos, responsável pela auto escola Joaquim Gusmão,sendo o autor que comandava o esquema fraudulento na cidade.

Em interrogatório formal, um agenciador informou que recebia R$:700, (Setecentos reais), por pessoa, sendo praticada a ação, desde a década de 90.

Estado da Bahia 

Na cidade de Santa Maria da Vitória/BA foi efetuada a prisão de E.C.M.J., 51 anos, responsável pela auto Escola Milenium, sendo o próprio quem aliciava e buscava pessoalmente os candidatos.

Todos foram presos em suas residências nessa segunda feira (04). 

Encontram-se foragidos, sendo procurados no Estado de Minas Gerais. 
Valmir Soares Nobre, vulgo “Mico”
Jackson Barbosa Ribeiro, vulgo Quinha
Jânio Gonçalves Pereira, vulgo “Braminha.

 Entenda o caso

De acordo com as informações repassadas pelos delegados da Polícia Civil no Norte de Minas, as  referidas pessoas autuadas, estavam envolvidas no esquema de facilitação do processo de obtenção de CNH, onde os candidatos eram aliciados e levados para as cidades da Bahia e mediante apresentação de endereço falso, e processo fraudulento, obtinham suas CNHS, de forma totalmente irregular.


Embora o processo fosse facilitado e fraudulento, o documento emitido era verdadeiro. Os aliciadores cobravam o valor de R$  4.000.00 (quatro mil reais) por carteira de Habilitação ( B) e até R$: 6.000.00 (seis mil reais)  pela Habilitação A.B, o valor era negociado de acordo com a categoria escolhida pelo candidato.


O Delegado Leonardo Diniz, que responde atualmente por Janaúba e Coração de Jesus, explicou que: “os candidatos iam para o Estado da Bahia, ficavam entre 5 e 10 dias e adquiriam as Habilitações de forma facilitada. Os documentos chegavam via correio ou era entregue pelos donos das Auto escolas na residência dos candidatos. Já foram confirmados nove casos”


O Delegado Regional, Herivelton Ruas Santana informou que, os suspeitos vão responder pelos crimes de Falsidade ideológica, Associação criminosa e estelionato.

Um ofício foi enviado para o DETRAN da Bahia, informando sobre a fraude. Todos os envolvidos que tiveram suas habilitações facilitadas terão os seus documentos bloqueados, e ainda vão responder por Falsidade Ideológica.


O Chefe do 11º Departamento, Delegado Geral, Jurandir Rodrigues César Filho, disse, que o Detran de Minas Gerais, através da 8ª Ciretran, tem prestado serviços de excelência, com exames técnicos, criteriosos para assegurar a segurança no trânsito em Montes Claros.

Ainda na coletiva de imprensa, foi informado em caso  essas pessoas que tiraram suas carteiras de forma ilícita, se for parado em Blitz, e estiver com habilitação suspeita oriunda destas cidades, será retida e bloqueada junto ao Detran, podendo   responder criminalmente.

Por Diana Maia 

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *