PÓS-GRADUAÇÃO PUC MINHAS em MONTES CLAROS

Obtenha mais clientes com a sua ficha do Google
Inicio » Esporte » Taça Libertadores » Libertadores – Cruzeiro x Deportivo Lara: Raposa joga ‘pro gasto’, vence e se mantém 100%

Libertadores – Cruzeiro x Deportivo Lara: Raposa joga ‘pro gasto’, vence e se mantém 100%

Libertadores – Cruzeiro x Deportivo Lara: Raposa joga ‘pro gasto’, vence e se mantém 100%

Na noite desta quarta-feira, em sua estreia em casa na Copa Libertadores, o Cruzeiro encontrou dificuldades frente a um valente Deportivo Lara, mas venceu o rival venezuelano por 2 a 0, gols de Rodriguinho, logo aos 6 min de jogo, e depois Jadson, aos 49 min do 2ºT. O resultado fez com que a Raposa ampliasse sua liderança no topo do grupo B da Copa Libertadores, chegando agora a seis pontos, quatro a mais que o Emelec-EQU, vice-líder, com dois pontos. 

Libertadores - Cruzeiro x Deportivo Lara: Raposa joga 'pro gasto', vence e se mantém 100%
Libertadores – Cruzeiro x Deportivo Lara: Raposa joga ‘pro gasto’, vence e se mantém 100%

 

O gol 

O Cruzeiro não demorou muito para marcar o seu gol no Mineirão. Logo aos 6 min de jogo, Fred deu um passe de ombro para Rodriguinho, cara a cara com Salazar, guardar o seu segundo gol na Libertadores. Um presente de aniversário. Afinal de contas, o jogador completa 31 anos nesta quarta-feira. Foi seu sexto gol pelo Cruzeiro em oito partidas, um rendimento avassalador em seu início na Raposa. O tento de Rodriguinho também simbolizou o de número 300 do Cruzeiro na era Mano Menezes.

No finalzinho do jogo, aos 49 min, viria o gol de 301, outra vez com a assistência de Fred, sua terceira no ano, para o arremate certeiro de Jadson, seu primeiro gol com a camisa do Cruzeiro.

Atuação do árbitro

O chileno Piero Maza ouviu poucas e boas dos jogadores ao fim do primeiro tempo de jogo. Algumas decisões do trio não agradaram Cruzeiro e Deportivo Lara. No segundo tempo,o tom das reclamações intensificou-se com o nervosismo que o jogo impôs.

Destaque do jogo

Antes de a Libertadores deste ano começar, Rodriguinho não possuía um gol sequer na história da competição. Agora já tem dois e vem se confirmando como um investimento certeiro da diretoria neste ano.

Comportamento da torcida

A torcida estava com saudades de um jogo de Libertadores. Para alguns, até o clima do estádio é diferente quando se disputa “La Copa”. O reencontro poderia ter sido mais vistoso, mas a vitória representou a marca de 30 jogos de invencibilidade do Cruzeiro em casa na fase de grupos da Libertadores, uma sequência que iniciou-se na vitória sobre o Alianza Lima-PER por 2 a 0, na quintarodada da fase de grupos da Libertadores de 1997, ano em que o Cruzeiro perdeu sua única estreia em casa na Libertadores, um 2 a 1 para o Grêmio, no Mineirão.

Polêmica

Fred poderia ter marcado seu primeiro gol com a camisa do Cruzeiro em Libertadores ainda na primeira etapa do confronto, mas a arbitragem assinalou o impedimento de Marquinhos Gabriel, que o assistiu com precisão o companheiro na jogada. A marcação foi apontada de forma equivocada.

Próximo adversário

O Cruzeiro volta a campo no próximo domingo, quando disputado o clássico com o América, no Independência, às 16h, no primeiro jogo da semifinal do Campeonato Mineiro. Na quarta, dia 3 de abril, o time viaja até Guayaquil, no Equador, para a terceira rodada do grupo B da Libertadores, a disputa contra o Emelec. O jogo será realizado às 21h30 (de Brasília).

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *