SMART FIT - MONTES CLAROS

Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Quadra poliesportiva na divisa dos bairros Esplanada e Santa Laura está abandonada

Montes Claros – Quadra poliesportiva na divisa dos bairros Esplanada e Santa Laura está abandonada

Montes Claros – Quadra poliesportiva na divisa dos bairros Esplanada e Santa Laura está abandonada

Montes Claros – Uma quadra poliesportiva na divisa dos bairros Esplanada e Santa Laura está abandonada à própria sorte. Localizada à rua Januário Juliano, antiga rua Quatro, próximo à ponte do córrego que abastece a Lagoa de Interlagos, tem alambrados quebrados, piso rachado e com iluminação improvisada. Também precisa de pintura.

Montes Claros - Quadra poliesportiva na divisa dos bairros Esplanada e Santa Laura está abandonada
Montes Claros – Quadra poliesportiva na divisa dos bairros Esplanada e Santa Laura está abandonada

 

A denúncia sobre a suposta negligência da Secretaria Municipal de Esportes chegou ao Legislativo pelo vereador Dr. Valdivino (PMDB), para quem “é uma vergonha a situação da obra que deveria ser destinada à prática esportiva, na atual administração pouco utilizada devido a precárias condições de conservação”. Ele argumenta ainda que outros bairros com grande densidade populacional sequer têm área de lazer, como o JK.

A reportagem foi conferir a informação do parlamentar. A ferrugem toma conta das grades e das traves de futebol e a quadra de cimento apresenta rachaduras que empoçam água no período das chuvas. Cenário que nada lembra o espaço que já foi utilizado pelo menos duas vezes por semana em diversas atividades por crianças, jovens e idosos.

Defronte à quadra, a equipe de reportagem falou com o sr. José, de 76 anos, que mora no mesmo endereço, no Santa Laura, há quatro décadas. Na opinião dele, “a prefeitura tinha que arrumar”. “A praça está abandonada. Poderiam fazer uma calçada, murar”.

Segundo ele, o serviço de limpeza por parte da administração municipal também é precário. “De vez em quando eu dou uma roçada nesse mato aí para melhorar o visual e a segurança, mas muitos jogam lixo e agrava o problema, embora no meu ponto de vista só mesmo passando a máquina que resolveria de vez a situação”.

O filho mais velho de José, José Roberto, de 48 anos, lembrou que “o ideal seria o fechamento para reforma”, informando que o abandono, bem como a iluminação “improvisada e inadequada”, fazem com que o local seja usado para consumo de substâncias entorpecentes.

De acordo com ele, os refletores funcionam graças a uma “gambiarra” e a quadra é utilizada eventualmente “apenas por uma meninada para brincadeiras”. “Para praticar esportes, temos que utilizar a quadra da Escola Estadual Augusta Valle. Aqui não temos área de lazer”.

Moradora do bairro Esplanada, Vitória Neves, de 18 anos, disse à reportagem que passa por um atalho dentro da quadra, que tem uma das laterais tomada por um matagal, para ir à Escola Estadual Augusta Valle, no bairro Interlagos. “Como a quadra está abandonada, fico com muito medo, porque no matagal os ladrões têm mais chance de se esconder”.

No mesmo local, Paula Caroline, que reside no bairro Santa Laura, tem como maior preocupação a vegetação da Lagoa do Interlagos, que tomou conta do espelho d’água, “porque favorece o banditismo”. “Seria melhor se terminassem, construíssem um muro para proteger”, diz Paula, que tem dois filhos.

Questionada, por e-mail, sobre a situação da praça, a Prefeitura de Montes Claros não se manifestou.

Por Manuel de Freitas do Jornal O Norte

Aviso

  • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *