SMART FIT - MONTES CLAROS

Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Mais Seções » Curiosidades » Argentino ‘apaga’ tatuagem com ralador de queijo

Argentino ‘apaga’ tatuagem com ralador de queijo

Argentino ‘apaga’ tatuagem com ralador de queijo

Não faça isto em casa! Um jovem argentino, que não quis se identificar, utilizou uma ferramenta inusitada para se livrar de uma tatuagem insatisfatória.

Argentino 'apaga' tatuagem com ralador de queijo
Argentino ‘apaga’ tatuagem com ralador de queijo

 

O símbolo que havia gravado na lateral do braço, próximo ao pulso, foi totalmente removido de sua pele com um ralador de cozinha – daqueles utilizados para ralar blocos de queijo e outros alimentos.

Imagens da peripécia foram publicadas por um amigo do rapaz, Matías Costa, no Twitter. Na segunda-feira (30), ele tuitou: “Um amigo se tatuou e, como não gostou da tatuagem, a tirou com um ralador de queijo. Sim, um ralador de queijo”.

Ainda anônimo, o argentino deu entrevista ao site Infobae, onde deu mais detalhes sobre o feito. Segundo ele, o processo foi muito doloroso, e com muito sangue – o rapaz ainda teve de ir ao hospital, onde recebeu uma vacina antitetânica.

A “remoção” também teria sido feita em 2017, e a ferida já está totalmente cicatrizada.

Para provar que realmente usou o ralador, o ex-tatuado enviou um vídeo seu a uma página de humor no Instagram. Na terça-feira (2), a conta es_por_ahi publicou: “O cara da tatuagem e o ralador, um amigo da casa! Amigo das antigas!”.

No vídeo, ele exibe a cicatriz clara, pouco perceptível:

 

Ver essa foto no Instagram

 

EL MUCHACHO DEL TATUAJE Y EL RALLADOR, UN AMIGO DE LA CASA❤️ Amigo de hace muchos años!

Uma publicação compartilhada por Humor / Memes / Shitposting (@es_por_ahi) em

 

Para remoção de tatuagens, o procedimento mais comum é o laser. Embora mais custoso que um ralador de queijo, ele é a forma infinitamente mais segura e menos dolorosa de se livrar de uma tattoo indesejada.

Aviso

  • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *