Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

Curso Instalador Energia Solar

Bebê consegue ficar em pé desde as oito semanas de vida

Bebê consegue ficar em pé desde as oito semanas de vida

Um fato inusitado. A pequena Lula, que nasceu em janeiro deste ano, consegue ficar em pé desde as oito semanas de vida. Tezra Finn-Johnston, de 31 anos, que é o pai da criança, diz que a filha é a “mais forte do mundo”.

Bebê consegue ficar em pé desde as oito semanas de vida
Bebê consegue ficar em pé desde as oito semanas de vida

A mãe da menina, Emily Derrick, de 23 anos, conta que percebeu a força da criança logo que saíram da maternidade, em Bristol, na Inglaterra. Diferente dos outros bebês, Lula conseguiu com apenas cinco dias de vida sustentar o peso da própria cabeça.

Em entrevista ao The Sun, Tezra contou que acredita que a filha seja forte por causa da proporção entre músculo e peso, visto que a menina nasceu com 5% menos peso do que a média dos bebês.

“Todo mundo diz que é bastante incomum que ela possa se sustentar, mesmo sentada, e muito menos em pé”, disse ele ao jornal

A pequena Lula ainda não consegue andar, mas os pais da criança acreditam que isso ocorra em breve. “Quando eu dou a ela chocalhos e outras coisas para brincar, ela não parece jovem o suficiente para desejá-los. Ela parece muito mais velha do que realmente é. Eu só sei dizer ‘oh, não cresça ainda!’”, brincou a mãe da menina.

Vale destacar que os bebês costumam conseguir ficar em pé, apoiados nas grades ou sofás, entre 7 e 9 meses.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *