Empréstimo Consignado para aposentados, pensionistas do INSS

Últimas Notícias
Casa das Apostas Online Betway

MG – Governo de Minas define ensino híbrido para o 3º ano, com aulas semana sim, semana não; saiba como será

MG – Governo de Minas define ensino híbrido para o 3º ano, com aulas semana sim, semana não; saiba como será

MG – Sessenta mil estudantes do 3º ano das escolas públicas de Minas Gerais poderão voltar para as salas de aula a partir do próximo dia 19, informou nesta quinta-feira (1º) a Secretaria de Estado de Educação (SEE). De acordo com o órgão, o ensino será híbrido, com conteúdo presencial e virtual.

MG - Governo de Minas define ensino híbrido para o 3º ano, com aulas semana sim, semana não; saiba como será
MG – Governo de Minas define ensino híbrido para o 3º ano, com aulas semana sim, semana não; saiba como será Foto: Yago Frota/Folha Press

 

Na primeira semana, o aluno comparecerá à escola para as atividades presenciais. Na semana seguinte, o ensino será remoto, por meio das plataformas digitais. O revezamento permanecerá por tempo indeterminado e levará em consideração os dados do boletim epidemiológico da Covid-19.

Em caso de surto da doença após a volta dos estudantes para as escolas, o Estado poderá suspender o ensino presencial. Se os números permanecerem favoráveis, o retorno será autorizado para discentes de outras séries.

Secretária de Educação, Julia Sant’Anna explicou que, a cada 14 dias, o governo irá analisar a possibilidade de incluir mais alunos dentro das escolas. “Sempre começando pelos mais velhos”, disse.

O retorno dos estudantes só será autorizado nos municípios que aderiram ao programa Minas Consciente  e que estão na onda verde. Atualmente, quatro macrorregiões estão incluidas nesta fase. São elas: Norte, Leste, Jequitinhonha e Centro-Sul.

Julia reforçou que as escolas só vão reabrir nos municípios que tiveram o aval do prefeito. Além disso, a secretária frisou que a presença não será obrigatória. Cada família vai poder optar se manda ou não os alunos para as atividades presenciais.

Na quarta-feira (30/09), a Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte adiantou que, na capital, o ensino também será híbrido. No entanto, ainda não há previsão de quando as escolas da cidade vão reabrir.

Segurança

Durante coletiva que detalhou como será o retorno das aulas presenciais, o governo destacou que a segurança será priorizada. Por isso, o diretor de cada instituição terá que atestar que o local tem condições de receber os alunos.

Nas escolas sem ventilação adequada, por exemplo, as aulas presenciais não serão permitidas. Todas as escolas também vão ter que oferecer material para higienização das mãos e outros equipamentos de segurança, como papel toalha.

Entre esta quinta e sexta-feira (2), o Estado vai fazer o levantamento de todos os municípios que pretendem reabrir as escolas. Até o dia 9, o governo quer ter as respostas dos diretores com relação às condições dos estabelecimentos.

Esses dados são importantes, segundo destacou Julia, para fazer um planejamento mais detalhado, incluindo o repasse para o transporte escolar.

Cronograma

Pelo calendário formulado pela SEE, as escolas podem reabrir já na próxima segunda-feira (5). No entanto, os primeiros dias de funcionamento serão apenas para os profissionais da educação organizarem o retorno e acolhimento dos alunos.

Entre os dia 5 e 7, os estudantes vão responder a um questionário para informar como foi o processo aprendizado no período em que permaneceram em casa.

O ano letivo está previsto para encerrar em 30 de janeiro de 2021, mas, até lá, alguns recessos vão fazer parte do calendário escolar.

Quer saber as notícias do Jornal Montes Claros em primeira mão? Siga-nos no Facebook @jornamoc, Twitter @jornalmoc e Instagram @jornalmoc.