Últimas Notícias

O que é orquestração de marketing?

O consumidor atual exige cada vez mais novas estratégias para impressioná-lo. Até porque ele está mais dinâmico e exigente, desejando que a empresa pense por ele. Então, pensando nisso, foi criado a orquestração de marketing, uma ferramenta do Marketing Digital.

Deve ser compreendido a ideia de Marketing Digital toda a forma que utiliza de um aparelho para atração, conversão, afunilamento e conquista do cliente. Sobre a orquestração, o conceito é como o de uma orquestra, que cada música deve fazer o seu melhor.

Então, o artigo mostrará como funciona uma orquestração de marketing, como o consumidor reage perante a essa ferramenta e os benefícios de aplicá-la, entendendo o cenário dinâmico e volátil do Marketing Digital. Vamos lá?

Definindo a orquestração de marketing

Para definir a orquestração de marketing é preciso ter um cliente definido, ou seja, um alvo para a campanha. Esse cliente será analisado por meio de diversos aplicativos como um software para loja, e-mails e SMS, para identificar a conduta que tem no seu dia a dia.

Ao ter acesso a todos os apps de consumo do cliente, é traçada uma rota de compra, entendendo que todas as pessoas seguem padrões de consumo por irem sempre aos mesmos locais, vestirem as mesmas roupas, comparem a mesma comida e por aí vai.

Com isso, as rotas servem para administrar esse consumo e tentar encaixar uma campanha que esteja de acordo com essa realidade do cliente. Por isso leva o nome orquestra, fazendo com que todos os mecanismos funcionem com um só.

As interações ditas acima devem ser planejadas com o propósito de cumprir o objetivo da empresa, conquistar novos clientes e novas relações.

A orquestração de marketing pensa em ações de, por exemplo, um homem que trabalha com torneamento usinagem. O que ele faz voltando pra casa? Como alcançá-lo? Como levar meu produto até ele?

Todas essas respostas devem ser organizadas e padronizadas em uma rede de dados, muito bem montada e organizada. Os dados precisam ser centralizados e organizados de forma que montem um padrão, tornem-se uma orquestra para iniciação dos trabalhos.

Esses mesmos dados podem ser utilizados futuramente para uma campanha de experiência de marketing, gerando no cliente algo único ao lembrar do seu negócio. Invista em sua base de dados, pois ela é essencial para a produção de novas estratégias.

Conheça os benefícios da orquestração de marketing

A orquestração de marketing é uma forma de organizar suas ações, mostrando como determinadas estratégias de marketing se entrelaçam. Todos esses dados orquestrados resultam em padrões que podem ser utilizados em diversas campanhas de marketing.

Pense, como uma empresa venderia calibração de equipamentos de laboratorio sem traçar quais são os consumidores para seus produtos? Então, o primeiro e mais importante benefício é a organização de suas futuras ações por meio de dados obtidos.

Por isso, são utilizados múltiplos canais para captação desses dados, por exemplo, o Instagram, Facebook, Twitter, e-mail marketing e afins.

Aplicar todas as estratégias em sintonia permitirá que você encontre padrões. Um cliente conquistado por meio desta estratégia será automaticamente fidelizado pela marca, pois o empreendimento se fez presente em sua realidade.

Aplicando a orquestração de marketing

A aplicação da orquestração de marketing passa por um sistema de processos que possibilita diversas ações ao mesmo tempo, por exemplo, em uma empresa focada em registro gaveta ou qualquer outra.

As etapas para a orquestração são:

  • Engajamento e conversão;
  • Qualificação de leads;
  • Recuperar  as oportunidades perdidas;
  • Manter os clientes conquistados;
  • Insistir nos clientes perdidos.

Esses processos podem ser realizados de forma manual ou não, dependerá da realidade da sua empresa e de como a marca age sobre o consumidor.

Engajamento e conversão

O primeiro contato que o cliente terá com o produto será por meio do engajamento que a marca teve sobre ele. De alguma forma a “orquestração” realizada pela publicidade direcionada até o consumidor fez com que ele chegasse até a marca.

Assim que o processo de engajamento for realizado, será necessário começar a campanha de conversão do cliente. Essas estratégias podem ser feitas por meio de diversas técnicas muito relevantes no mundo digital, por exemplo:

  • Crie blogs para gerar autoridade a sua marca;
  • Faça publicações constantes nas redes sociais;
  • Faça sorteios ou dê brindes de graça;
  • Se interesse pelo problema do cliente, seja a solução

Os processos de conversão são importantes para que você crie defensores do seu negócio, são os chamados leads do marketing. Esses leads serão úteis para o crescimento do tráfego orgânico do site, ajudando a vender até uma calandra de chapas.

Os leads são clientes em potencial, que podem ser muito bem utilizados para diversos benefícios, como o crescimento orgânico de um site.

Qualificação dos leads

Como foi dito no início do artigo, a orquestração de marketing trabalha com objetivos definidos, por isso, será necessário qualificar seus leads para melhor aplicação da estratégia.

O objetivo aqui é traçar os clientes que têm maior chance de fechar o negócio, justamente por já estarem engajados no assunto e com o desejo da compra em mente. Com isso você mostrará que se importa com as necessidades desses Leads.

Assim, serão traçadas campanhas que possibilitem o foco neles, para que eles se sintam importantes. Esse processo aumenta a conversão dos clientes com a marca, gerando maiores chances de comprar o produto.

Lembre-se de que será necessário realizar um estudo longo para definir, então, se necessário não mande somente e-mails, mas ligue para eles, ou seja, faça uma pesquisa direta para qualificar os leads com maior eficácia.

Recuperação das oportunidades perdidas

Existem casos em que oportunidades foram criadas, mas algum motivo as fez escoar pelas mãos da marca. Um cliente pode mudar de ideia muito rápido, então, entender o processo que o fez desistir de realizar a compra é importante.

No dia a dia, as pessoas podem ou não se programar para realizar alguma compra e é justamente nesses momento em que as oportunidades surgem. Nem todos serão conquistados, pode ser que um concorrente o conquiste ou não exista mais a necessidade.

Pensando nisso, o objetivo não é recuperar todas as oportunidades perdidas, mas o máximo que for possível. Debaixo de toda grande árvore existe um presente que ainda não foi visto.

Manter os clientes conquistados

A reciclagem de clientes é basicamente fazer com que um consumidor sempre compre no seu local. Uma vez feita a compra, é preciso buscar entender se ele teve uma boa experiência com o serviço ou produto prestado.

Um filtro ciclone, por exemplo, tem um tempo de vida e pode causar boas ou más experiências ao consumidor que tentou fugir dos filtros comuns. Após a compra desse produto, é importante que ele volte a comprar outros itens da sua marca.

Essa estratégia pode ser feita por meio de disparos de e-mails, principalmente para deixar o cliente ciente das novidades expostas e campanhas de vendas futuras. É preciso manter o ganho e tentar entender o que pode fazer o cliente não voltar mais a comprar o produto.

Insistir nos clientes perdidos

Existem clientes que não fecham as compras por motivos pequenos, mas há também os casos em que a marca pode ter decepcionado o consumidor. O importante deste processo é buscar entender o porquê o cliente não realizou a compra.

No primeiro momento será necessário respeitar o tempo de recusa, mas e-mails podem ser mandados, mostrando que é do interesse da marca a presença do cliente no local, por exemplo, em uma empresa que venda graxa de silicone.

Faça-o mudar de ideia, recicle a vontade do seu consumidor em adquirir o que sua marca vende. Faça isso para conquistar bons resultados no final.

Considerações finais

Vimos que uma orquestração de marketing é a forma de organizar estratégias de maneira sincronizada, todas de uma vez, em um nicho de clientes específicos para obter a forma padronizada como os consumidores agem.

Todo o processo de orquestração de marketing passa pelas fases de engajamento do cliente com a marca, até sua conversão, em seguida, o objetivo é finalizar a compra. Com a compra finalizada será preciso ver se o cliente irá ou não voltar.

Os clientes que perderam o interesse no meio desse processo também precisam ser analisados, saber os motivos que os fizeram desistir, principalmente para corrigir nas estratégias adiante.

Tenha em mente que todas essas estratégias fidelizam o cliente e aumentam o alcance da marca. Seguir todos os processos é como realizar a manutenção de áreas verdes, precisa de cuidado e paciência, não é à toa que o nome é “orquestração de marketing”.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.