Últimas Notícias

O que é necessário para aprender como fazer fermento caseiro?

A produção do fermento caseiro para se fazer um saboroso pão artesanal em padarias e para o ganho da renda extra a partir de casa é algo que levanta muito questionamento. Afinal, como fazer fermento caseiro de forma correta? Apesar do que muitos possam afirmar, sua produção e cuidado não é tão difícil ou complicado.

Os pães artesanais ou caseiros vêm sendo uma produção muito procurada nos últimos anos, vendo que os mesmos possuem diversas vantagens quando comparados aos pães industrializados. Tais pães podem se tornar ainda melhores quando o uso de um fermento caseiro, ou levain, é feito. Com o uso desse fermento, é possível obter um resultado genuíno e até mesmo melhor do que com o uso de um fermento industrializado.

O chamado levain, massa mãe, fermento caseiro e diversos outros nomes ao redor do mundo, vem sendo produzido há séculos desde que o humano começou a desenvolver sua agricultura. Foi apenas após a industrialização que o levain começou a ser deixado de lado nas cozinhas e padarias. Porém, há diversas razões para aprender como fazer fermento caseiro.

Como fazer fermento caseiro: o que é necessário?

Para aprender como fazer fermento caseiro de qualidade é preciso primeiro compreender os produtos e itens necessários para seu preparo. Apesar de ser um processo simples, se requer os seguintes itens para quem deseja começar a produção de um levain de qualidade em casa:

  • Recipiente de vidro (formatos circulares são os mais recomendados);
  • Papel toalha ou tecido para cobrir o fermento assim que preparado, plástico filme e elástico também pode ser utilizado;
  • Farinha de trigo ou de linhaça (branca ou integral);
  • Água filtrada e então fervida, depois deixada para descansar em uma temperatura ambiente, assim as leveduras que produzem o fermento não encontraram dificuldades para sobreviver e podem crescer facilmente;
  • Colher ou garfo para misturar, de qualquer tamanho;
  • Balança de precisão para medir a quantidade de fermento, porém é opcional aos outros itens.

Assim que esses itens forem obtidos, o levain ou fermento caseiro pode ser preparado com facilidade. Vale notar que seu preparo é um processo que ocorre durante dias, por isso, mesmo com um preparo fácil e prático, não significa que ele irá ser rápido. A paciência é necessária quando o assunto é como fazer fermento caseiro com qualidade.

Como fazer fermento caseiro na prática

Sabendo tudo que é necessário para obter bons resultados do levain em casa e produzir bons pães artesanais com o mesmo, é possível começar a produção real do fermento caseiro. Essa produção pode levar de sete a dez dias e necessita de paciência e cuidado daquele que está manuseando o fermento.

O processo de inicia em certo horário e deve ser continuado todos os dias no mesmo horário, isso é crucial para o sucesso do levain. No primeiro dia, é preciso adicionar 50 g de farinha de trigo no recipiente de vidro junto a 50 ml da água que foi fervida e deixada para descansar previamente. Após isso, a mistura dos ingredientes é feita até que eles formem uma massa firme e se torne resistente.

A partir desse ponto, é preciso deixar a massa descansar dentro do recipiente, cobrindo com um pano ou toalha ou papel. É preciso guardar esse recipiente em um ambiente seco, fresco e sem nenhuma luz por 24 horas. Após isso, é preciso checar a massa a cada dia no mesmo horário e conferir se a fermentação se iniciou. Bolhas normalmente são o sinal do início.

Pode levar até quatro ou três dias para que algo ocorra. Durante esse tempo, descarte metade do fermento e reproduza a mesma receita do primeiro dia. Ao redor do dia cinco, o fermento já irá parecer vivo e a partir daí ele se modifica muito. Passando mais dois dias, o fermento terá crescido muito e pouco mudou. Quando nada ocorrer, o fermento caseiro estará pronto.

Por que aprender como fazer fermento caseiro?

Vendo que o processo de como fazer fermento caseiro é um pouco longo, durando até uma semana, devemos mencionar que ele ainda assim continua prático e muito mais benéfico que um fermento comprado. Essa seria uma das principais razões de muitos padeiros optarem por produzirem o levain.

O fermento industrializado possui diversos produtos que podem prejudicar o consumidor ao longo prazo. Portanto, aprender a produzir o levain em casa e até consumir pães artesanais feitos com um fermento caseiro é uma opção muito mais saudável para quem é um amante ávido de pães.

Sabendo disso, podemos compreender que aprender como fazer fermento caseiro pode ser uma ótima forma de aproveitar benefícios e uma qualidade maior nos produtos que utilizam ele. Portanto, apostar nesse estilo de produção de fermento é ideal para quem realmente gosta de maior sabor, textura mais fofa e de qualidade em pães artesanais e caseiros.