Inicio » Minas Gerais » Alto Paranaíba » MG – Prostituta tenta matar cliente em Campos Altos

MG – Prostituta tenta matar cliente em Campos Altos


Reviewed by:
Rating:
5
On 19 de Maio de 2014
Last modified:19 de Maio de 2014

Summary:

MG - Prostituta tenta matar cliente em Campos Altos

Uma prostituta de 22 anos foi presa após confessar que tentou matar um cliente que se recusou a pagar R$ 200 por um programa sexual. O crime aconteceu em Campos Altos, no Alto Paranaíba, nesse sábado (16).

MG - Prostituta tenta matar cliente em Campos Altos
MG – Prostituta tenta matar cliente em Campos Altos

Após denúncias anônimas, a Polícia Militar deslocou até a rua Silvério Lino Cordeiro, no bairro Boa Esperança I, onde encontrou o corpo do homem de 51 anos todo ensanguentado dentro de casa. Ele, que levou facadas no pescoço, chegou a ser socorrido para um Pronto Atendimento (PA), mas, devido à gravidade do ferimento, foi encaminhado para um hospital de Uberaba.

Ainda na unidade de atendimento, um jovem de 25 anos contou que sua irmã tinha um relacionamento com o homem e que tinha ligado para ele informando que havia discutido com o “companheiro”. Horas depois, a própria mulher entrou em contato com a corporação pelo 190, disse que era garota de programa, foi até a casa do cliente para cobrá-lo e ele teria a agredido.

Durante rastreamento, militares localizaram a suspeita em distrito de Guarda dos Ferreiros junto com o irmão, o mesmo que estava no PA e havia denunciado a mulher. Ele confessou participação no crime.

A dupla foi encaminhada à Delegacia de Plantão de Araxá.

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaços abaixo são destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail valido).