Últimas Notícias

Brasil – Corpos das 51 vítimas de acidente em Santa Catarina são enterrados

Os corpos das vítimas do mais grave acidente da história das rodovias catarinenses, que deixou 51 pessoas mortas e feriu outras oito no sábado (14), começaram a ser enterrados na manhã desta segunda-feira (16) em cidades do sul do Paraná e do norte de Santa Catarina.

Acidente foi o pior ocorrido na rodovia catarinense
Acidente foi o pior ocorrido na rodovia catarinense

Em União da Vitória (PR), de onde o ônibus partiu, sete corpos foram velados no ginásio de esportes Benedito Albino. Em Porto União (SC), outros 12 foram velados na capela do bairro Santa Rosa. As duas cidades são separadas apenas por uma linha de trem. Algumas famílias preferiram realizar os velórios em casa. Carros dos bombeiros foram usados nesta segunda para levar os caixões até os cemitérios das duas cidades. Houve enterros também em municípios da região.

No domingo (15), 32 corpos haviam sido transportados em um caminhão refrigerado para União da Vitória. Outros 18 foram levados à cidade por funerárias. Até o início desta tarde, um último corpo ainda se encontrava no IML (Instituto Médico Legal) de Joinville, mas a expectativa era que fosse liberado ainda nesta segunda.

Com capacidade para 42 pessoas, o ônibus que se acidentou levava 59 jovens e adultos para um evento religioso em Guaratuba, no interior de Santa Catarina. O veículo, que estava superlotado, saiu da pista e capotou, caindo em uma ribanceira. Entre os mortos, há 11 crianças.

O acidente ocorreu na serra Dona Francisca, que possui muitas curvas fechadas. A hipótese é que o ônibus tenha perdido o freio antes de sair da pista e capotar por cerca de 400 metros. O motorista, dono do veículo, morreu no acidente. O caso está sendo investigado pela polícia.