Últimas Notícias

MG – Mulher é assassinada ao se recusar a vender cocaína

MG – Mulher é assassinada ao se recusar a vender cocaína

Uma mulher de 32 anos, que trabalhava em um trailer de comida no bairro Ipiranga, foi morta na noite de ontem (1º), em Ibirité, na região metropolitana de Belo Horizonte. A vítima se recusou a vender cocaína a dois homens armados. 

MG - Mulher é assassinada ao se recusar a vender cocaína
MG – Mulher é assassinada ao se recusar a vender cocaína

 

Segundo a Polícia Militar, moradores da região que testemunharam o crime e estavam no trailer conversando com a vítima relataram que os dois homens se aproximaram do veículo e questionaram se ela vendia ‘raio’ (termo utilizado para se referir à cocaína).

A vítima disse que não estava mais comercializando a droga. Um dos homens ficou parado do lado de fora do trailer e o outro entrou no automóvel, sacou uma arma de fogo e atirou sete vezes contra a mulher.

Ela foi atingida por disparos na cabeça, no braço e no tórax. Com medo, as testemunhas correram para longe do local e acionaram os militares. Quando a PM e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegaram ao local, a vítima já havia falecido.

Dentro do trailer, a perícia encontrou 74 pinos de cocaína cheios e outras duas cápsulas vazias. O caso foi encerrado na delegacia policial de plantão de Ibirité.