Inicio » Mais Seções » Ciência » DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE – Abelhas, urubus, girafas e elefantes na lista de extinção

DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE – Abelhas, urubus, girafas e elefantes na lista de extinção

DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE – Abelhas, urubus, girafas e elefantes na lista de extinção

Aquecimento global, desmatamento de florestas, queimadas, poluição, mudanças no habitat e desaparecimento de ecossistemas. As ações do homem têm levado um alto número de espécies animais a entrarem na lista de extinção. Algumas são bem conhecidas, como o mico-leão-dourado, lobo-guará, tartaruga-gigante, arara-azul, onça-pintada e o urso panda. Outras são inéditas, como as abelhas.

DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE - Abelhas, urubus, girafas e elefantes na lista de extinção
DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE – Abelhas, urubus, girafas e elefantes na lista de extinção

 

O alerta foi dado pelo US Fish and Wildlife Service (FWS) – órgão dos EUA equivalente ao Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Ele identificou, em outubro de 2016, que a densidade populacional de sete espécies conhecidas como “cara amarela”, nativas do Havaí, tem reduzido drasticamente.

No entanto, o número não se limita ao pequeno arquipélago localizado no Oceano Pacífico. Entre 2012 e 2013, 31% dos insetos nos Estados Unidos desapareceram. Na Europa, o número chegou a 53%, e no Brasil, a quase 30%. As razões mais apontadas para a queda são a poluição, destruição de habitats naturais e pesticidas.

Sem esses insetos, não haveria somente a falta de mel, pois dois terços dos alimentos que comemos dependem do trabalho deles como polinizadores. As abelhas são consideradas pelos cientistas como “órgãos sexuais” das plantas e vegetais, fundamentais para espalhar o pólen no reino vegetal.

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *