POS ON-LINE PUC MINAS

Montes Claros – Defesa Civil Estadual promove workshop para municípios afetados pela seca/estiagem

Montes Claros – Defesa Civil Estadual promove workshop para municípios afetados pela seca/estiagem

Os efeitos da seca e estiagem são conhecidos da população residente no semiárido mineiro há décadas, demandando a constante atuação preventiva e responsiva por parte do Estado e da União, para ações de amenização dos efeitos das secas e para a assistência às comunidades atingidas.

Neste ano, o workshop trouxe como novidade a participação de membros da comunidade e prestadores de serviço
Neste ano, o workshop trouxe como novidade a participação de membros da comunidade e prestadores de serviço

 

É neste contexto que o Gabinete Militar do Governador, por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), com o apoio da 11ª Região da Polícia Militar (11ª RPM), realizou, em Montes Claros, no auditório da Associação de Municípios da Área Mineira da Sudene (Amams), o 2º Workshop para Municípios Afetados por Seca/Estiagem em Minas Gerais. A ação, realizada em dois dias, foi encerrada nesta quarta-feira (7/6), com a participação de membros das comunidades e prestadores de serviço.

Mobilização

O evento teve como objetivo preparar os gestores municipais (prefeitos e coordenadores municipais de Proteção e Defesa Civil) para fazerem frente às providências necessárias às ações de resposta à população. Soma-se, também, o propósito de mobilização de todos os envolvidos no processo de resposta aos municípios afetados pela seca/estiagem e preparação para o período de seca mais agudo, principalmente diante da previsão dos órgãos especializados no sentido que a seca deste ano será muito mais severa em relação aos anos anteriores.

Neste ano, o workshop trouxe como novidade a participação de membros da comunidade responsáveis por certificar o recebimento da água por meio do Transporte e Distribuição de Água Potável (TDAP) e também dos prestadores de serviço de distribuição (pipeiro) que operam o serviço.

A cerimônia de abertura foi presidida pelo chefe do Gabinete Militar do Governador e coordenador estadual de Defesa Civil, coronel Fernando Antônio Arantes, e contou com a presença do comandante da 11ª RPM, coronel Klevson Pires Martins, do diretor-geral do Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Idene), Gustavo Xavier, do coordenador adjunto da Defesa Civil Estadual, tenente coronel Juliano Cançado Dias, do Presidente da Amams, Prefeito José Reis, do comandante do 55º Batalhão de Infantaria, Alexandre dos Anjos Ferreira, dentre outras autoridades civis e militares.

O coordenador estadual de Defesa Civil se dirigiu aos presentes reiterando a importância dos prefeitos e coordenadores municipais na estruturação das Coordenadorias Municipais de Proteção e Defesa Civil (Compdecs), mesmo diante das dificuldades financeiras que os entes federativos têm passado.

“A população precisa de ser assistida oportunamente diante dos diversos desastres, principalmente a seca e estiagem que afetam grande número de pessoas por longos períodos”, disse. O coronel frisou, também, a disposição da Cedec e do Governo do Estado para fornecer todo o apoio que se faça necessário ao atendimento à comunidade.

Na sequência, durante as palestras, os participantes receberam informações sobre as regras de decretação de situação de emergência e calamidade pública, operação do Sistema de Informações de Desastres (S2ID), normas para o fornecimento de ajuda humanitária pela Cedec e funcionamento do Transporte e Distribuição e Água Potável.

Ao final do primeiro dia, os coordenadores municipais e prefeitos presentes foram premiados com o recebimento do colete representativo do Sistema de Proteção e Defesa Civil, para reforçar a identidade visual dos integrantes do sistema e reiterar o vínculo de parceria e colaboração entre a Cedec e os municípios.

Workshop

O workshop é mais ação do programa Minas Mais Resiliente (MMR) do Governo do Estado de Minas Gerais e tem por foco investir no aumento da resiliência a desastres dos municípios.

Somente no primeiro dia de evento, na terça-feira (6/6), foi registrada a participação de quase 300 participantes, dentre eles 25 prefeitos, sete vice-prefeitos, além de coordenadores municipais de Proteção e Defesa Civil, secretários municipais e membros da comunidade, com representação de 76 municípios.