Últimas Notícias

Seminário amplia debate sobre o futuro da Ater no Brasil

Seminário amplia debate sobre o futuro da Ater no Brasil

Seminário amplia debate sobre o futuro da Ater no Brasil
Seminário amplia debate sobre o futuro da Ater no Brasil

 

Promovido pela Frente Parlamentar de Assistência Técnica e Extensão Rural da Câmara Federal, o seminário reúne parlamentares, autoridades, estudiosos e trabalhadores da Ater de todo o País

Nesta segunda-feira (03/07), parlamentares, autoridades, estudiosos e trabalhadores da Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) discutiram propostas para o futuro do setor, durante o seminário realizado pela Frente Parlamentar de Assistência Técnica e Extensão Rural da Câmara Federal, em Fortaleza/CE. Com o tema “A Ater que queremos e o Brasil precisa”, esse foi o quinto de uma série de encontros que vem sendo realizados pela Frente Parlamentar em todas as regiões do Brasil, com objetivo de promover a reestruturação do serviço de Ater no País. Em Fortaleza, o evento contou com o apoio da Ematerce/CE.

“O seminário é uma oportunidade para ouvir dos profissionais da Ater, dos representantes de agricultores e de outras lideranças o tipo de Ater quer eles querem, e a Anater precisa estar atenta a essas sinalizações, para que consiga atender às expectativas dessa nova Ater. O encontro foi bastante produtivo e as propostas apresentadas vão contribuir para a formatação de um serviço que realmente possibilite levar para o campo uma nova estrutura, elevando a abrangência e a qualidade da assistência a ser ofertada aos agricultores e suas organizações econômicas, para que possam continuar produzindo com qualidade, obter renda, garantindo, assim, sua permanência e das gerações futuras na zona rural”, avalia o Valmisoney Moreira Jardim, presidente da Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater), que representou a Agência no seminário, junto com o diretor técnico, José Maria Pimenta.

Durante o encontro, o deputado Federal Zé Silva (SD/MG), presidente da Frente Parlamentar, apresentou as principais demandas do setor, destacando a criação da Anater, que, segundo o parlamentar, se configura como uma forma diferente de tratar a relação entre os governos federal e estadual, sem a burocracia dos convênios, valorizando os extensionistas e o produtor rural.

“Reitero meu apoio em empenhar juntos aos nossos parceiros, na Casa Civil, com o presidente da República, onde for preciso, para garantir que a Anater se consolide como a grande esperança da transformação da extensão rural brasileira. O extensionista rural precisa de melhores condições de trabalho, esperança principalmente para o agricultor familiar, levando o conhecimento, a inovação, e trazendo novos saberes para tornar o País grande”, ressaltou Zé Silva.

O presidente da Frente Parlamentar explicou que o objetivo da iniciativa é entregar ao Governo Federal e aos agentes da Ater um documento consolidado com todas as demandas e contribuições colhidas nos seminários regionais, durante sessão solene na Câmara dos Deputado em comemoração aos 69 anos do serviço de Ater no Brasil, em dezembro próximo.

Por Jerúsia Arruda