Últimas Notícias

Coluna da Jerusia Arruda – Direto de Brasília

Coluna da Jerusia Arruda – Direto de Brasília

NOVO ALVO

Nesta terça-feira (8), a defesa do presidente da República, Michel Temer, protocolou no Supremo Tribunal Federal um pedido para que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, seja declarado suspeito nos processos que envolvem o presidente na Corte. A defesa de Temer alega que o procurador age de forma pessoal nas ações. Se acolhida pela suprema corte, Janot fica impedido de atuar nas denúncias contra o presidente. O procurador pediu que o inquérito contra Temer seja incluído no rol que investiga a atuação de políticos do PMDB, que já está em andamento no Supremo, mas que teve prosseguimento impedido após votação na Câmara dos Deputados.

DIA DO PEDESTRE

Apesar da fama de cordialidade, a quantidade de mortes por atropelamento nas vias do DF sempre foi assustadora. Apesar disso, nesta terça-feira, 8 de agosto, quando se comemorou o Dia do Pedestre, dados divulgados pelo Detran mostraram que o número de pedestres mortos por atropelamento caiu 37,6% nos sete primeiros meses deste ano, com relação ao mesmo período do ano passado. Foram 48 mortes neste ano, contra 77 ocorrências em 2016. Segundo o Detran, de 1997 a julho deste ano, o número de mortes por acidente de trânsito no DF foi de 8.831.

CRIME HEDIONDO

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou o regime de urgência para o Projeto de Lei 3376/15, do Senado, que torna crime hediondo a posse ou o porte ilegal de arma de fogo de uso restrito das forças policiais e militares. Após a votação, a sessão ordinária foi encerrada com 332 votos a favor, 7 contra e 2 abstenções.

MAIS INCLUSÃO

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais do Distrito Federal (Apae-DF) assinou contrato com a Câmara dos Deputados que permitirá a contratação de profissionais com deficiência intelectual da instituição para prestar serviços de apoio administrativo na Primeira-Secretaria e na Secretária-geral da Mesa. O projeto insere-se no âmbito das ações de acessibilidade que vêm sendo realizadas pela Câmara desde 2004 e que tem como objetivo a inclusão profissional efetiva e responsável de pessoas com deficiência intelectual. A Câmara foi pioneira nessa ação, que vem se multiplicando ao longo dos anos em outros órgãos públicos, como Senado Federal, Superior Tribunal de Justiça, Supremo Tribunal Federal e Ministério das Relações Exteriores, entre outros. 

PREVENÇÃO DO SUICÍDIO

O Senado Federal realizou nesta terça-feira, na Comissão de Educação, Cultura e Esporte, uma audiência para debater a adoção de políticas públicas de prevenção do suicídio entre jovens por parte do poder público. Dados oficiais do Ministério da Saúde demonstram que nos últimos anos têm aumentado os casos de mortes por suicídio no Brasil, inclusive entre os jovens. Uma das propostas resultantes da audiência foi a de apoiar o projeto que efetiva a presença de psicólogos nas escolas (PLC 76/2011) como um dos caminhos para combater casos de depressão entre adolescentes, que em situações mais graves acabam resultando em suicídio.

AUMENTO DO IR

Após a repercussão negativa da divulgação da proposta de aumentar a alíquota do Imposto de Renda que estava sendo estudada pela equipe técnica do Ministério da Fazenda, o governo federal declinou da medida. De acordo com o ministro Henrique Meirelles, a proposta não era adequada e, “portanto, já foi anunciado que não será aprovada”. Ele disse ainda que, para reequilibrar as contas públicas, o aumento de impostos seria a “última alternativa”.

 

Jerusia Arruda
Jerusia Arruda