Inicio » Últimas » MG – Filho mata mãe por ela não deixar ele usar produtos da Mary Kay

MG – Filho mata mãe por ela não deixar ele usar produtos da Mary Kay

MG – Filho mata mãe por ela não deixar ele usar produtos da Mary Kay

Jovem estava completamente desnorteado e sem roupas quando foi preso
Jovem estava completamente desnorteado e sem roupas quando foi preso

 

Um jovem de 24 anos matou a própria mãe a facadas depois de ser impedido por ela de usar produtos de beleza da marca Mary Kay. De acordo com a Polícia Militar, o suspeito deu várias facadas na mãe, Jucineide Lopes de Souza, de 48 anos,  no bairro JK 3, em Governador Valadares, no Vale do Rio Doce.

Ainda segundo a polícia, vizinhos ouviram os gritos da diarista Jucineide e viram o jovem saindo da casa logo depois. Quando os vizinhos chegaram à casa onde mãe e filho moravam sozinhos, encontraram a vítima caída ao chão e bastante ensanguentada.

Depois de cometer o crime, o jovem ainda foi a casa de um tio dele e tentou entrar na casa a força. Ele quebrou duas janelas e uma porta ao forçar a entrada. Depois disso, ele ficou andando pelas ruas nú e desnorteado.  Ele ainda atirou pedras contra um veículo e tentou fugir com o carro, mas o motorista o enfrentou e não deixou que ele levasse o carro. Ele foi preso logo depois. Familiares que não quiseram se identificar contaram aos policiais que o menino sofria de depressão.

Ao ser detido, o jovem contou que a mãe vendia os produtos da marca Mary Kay e que  ele a pediu para usar os produtos, como ela não deixou, ele acabou cometendo o crime. A mulher foi morta com duas perfurações no rosto, uma no braço direito e sete nas costas. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a atender a mulher em casa, mas ela já estava morta.

O suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil e permanece presono presídio de Governador Valadares.  A faca utilizada no crime foi apreendida. A reportagem aguarda resposta da Polícia Civil sobre o caso.

Suspeito era tranquilo

Vizinhos da família ouvidos pela reportagem contaram que o menino era bem tranquilo e que a mãe era apaixonada por ele. “Esse crime assustou muito a gente, porque o menino é bem tranquilo. Nunca tinha dado nenhum problema e a mãe dava a vida por ele. Os dois eram muito unidos”, contou a vizinha.

Um conhecida da família disse a reportagem que não sabia do envolvimento do jovem com drogas, mas que ele estava com problemas psicológicos. “A Jucineide era uma pessoa fantástica, muito amorosa com o filho e bastante amiga de todos. Nós ouvimos comentários que o menino sofria de depressão, mas ninguém sabe direito o que ele tinha mesmo”, destacou.

Mulher foi esfaqueada pelo filho
Mulher foi esfaqueada pelo filho

 

*As informações são do Portal O Tempo

 

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *