SMART FIT - MONTES CLAROS

Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Minas Gerais » Duas mulheres são assassinadas por companheiros em Minas

Duas mulheres são assassinadas por companheiros em Minas

Duas mulheres foram assassinadas por seus respectivos companheiros entre a noite dessa segunda-feira (3) e manhã desta terça-feira (4) em Minas Gerais. Os crimes aconteceram em Além Paraíba, na Zona da Mata e em Santa Luzia, na Grande BH. 

Duas mulheres são assassinadas por companheiros em Minas

 

Além Paraíba 

Na Zona da Mata, a vítima de mais um crime contra a mulher foi Mara Muniz Rosa, de 28 anos. Segundo a PM, o corpo da vítima foi encontrado dentro da casa em que ela morava no Bairro Morro do Cipó, já sem vida.

Conforme a corporação, o autor do crime é o namorado da vítima, de 21 anos. Após matar Mara com golpes de tijolos, o homem foi à casa do irmão dele e disse: “eu matei a Mara”. Ao ouvir a confissão do crime, o irmão do suspeito acionou a polícia que foi ao imóvel e realizou a prisão.

Aos militares, o jovem confessou o crime e disse que usou tijolos e uma técnica de enforcamento e imobilização para cometer o assassinato. O corpo de Mara foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal. O autor do crime foi levada para a delegacia de Polícia Civil.

Santa Luzia

Em Santa Luzia, Márcia Silva Martins, de 30 anos, foi esfaqueada até a morte pelo namorado de 40. De acordo com a Polícia Militar (PM), o crime ocorreu na Rua 10, no Bairro Nova Conquista, por volta de 1h40 desta terça-feira.

A corporação informou que o pai da vítima encontrou o corpo da filha ao escutar os pedidos de socorro. Márcia estava jogada no asfalto com perfurações pelo corpo. Ao lado dela, o namorado ameaçou esfaquear o pai, caso ele se aproximasse.

O homem fugiu em uma moto e Márcia foi socorrida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) São Benedito em estado grave. Após dar entrada na unidade, a mulher morreu.

Os médicos constataram oito perfurações no corpo, sendo três no braço direito, duas no esquerdo, duas na nuca e uma no dorso. A Polícia Militar fez buscas pelo suspeito, mas ele não foi encontrado.

Aviso

  • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *