Inicio » Norte de Minas » Brasília de Minas ganha Procon Regional

Brasília de Minas ganha Procon Regional

Os habitantes de Brasília de Minas, Luislândia, Japonvar, Campo Azul, Ponto Chique e Ubaí ganharam um Procon Regional com sede em Brasília de Minas para quando se sentirem lesados em alguma relação de consumo.

Brasília de Minas ganha Procon Regional

 

Além de oferecer atendimento na sede, o órgão de defesa do consumidor conta com postos de atendimento em cada uma das cidades integrantes. Há ainda um carro que prestará atendimento itinerante e atuará em fiscalizações e ações de educação para o consumo.

Para que o órgão tenha caráter permanente, foi formado o Consórcio Intermunicipal de Defesa do Consumidor (Cindecon). A implantação do Procon possibilitará economia de gastos, visto que o município maior funcionará como sede, oferecendo o processamento das reclamações, as operações de fiscalização e educação para o consumo. As outras cidades integrantes atuarão com postos de atendimento para registrar a reclamação dos consumidores e, não havendo uma solução amigável, repassá-las à sede.

“A implantação de Procons regionais é uma forma de propiciar a defesa do consumidor de forma capilarizada em todo o estado. Isso facilita o acesso da população aos seus direitos e inibe a prática de irregularidades por parte dos fornecedores”, finaliza o coordenador do Procon-MG, promotor de Justiça Amauri Artimos da Matta.

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *