Últimas Notícias

Coluna da Jerusia Arruda – De volta ao Passado

Coluna da Jerusia Arruda – De volta ao Passado

DE VOLTA AO PASSADO

Em entrevista à Rádio Jornal de Barretos, na segunda-feira (15), o candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que o objetivo de seu governo é fazer o Brasil “ser igual a 40, 50 anos atrás”. Ele falava da insegurança das grandes cidades, defendendo o encarceramento como solução. “Cadeia não recupera ninguém. Cadeia é para tirar o elemento da sociedade”, afirmou.

MAIS EMPREGOS

Já o candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, afirmou em entrevista exclusiva ao blog do Sakamoto, no último domingo (14), que sua meta é gerar em torno de 2 milhões de postos de trabalho por ano, totalizando 8 milhões em quatro anos, caso eleito. É a primeira vez que ele dá um número à sua promessa de empregos. De acordo com o IBGE, o país conta com 12,7 milhões de pessoas desempregadas.

RESTITUIÇÃO DE IR

A Receita Federal depositou nesta segunda-feira (15) o quinto lote de restituições do Imposto de Renda de 2018. O lote também inclui restituições residuais entre os anos de 2008 a 2017. Ao todo, serão pagos R$ 13,3 bilhões para mais de dois milhões e meio de contribuintes. As consultas podem ser feitas no site da Receita Federal ou pelo telefone 146.

NATAL SEM FOME

Começou nesta segunda-feira (15) a campanha Natal Sem Fome 2018, com objetivo de arrecadar duas mil toneladas de alimentos. A iniciativa foi idealizada pelo sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, há 25 anos. O projeto, que ficou parado por uma década, foi retomado em 2017. As doações podem ser feitas em postos físicos espalhados pelo Brasil ou pelo site: wwww.natalsemfome.org.br.

SALVOS PELO COEFICIENTE

Segundo o Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), a quantidade de deputados eleitos e reeleitos que não precisaram dos votos da legenda partidária ou da coligação para atingir o objetivo eleitoral diminuiu em 2018 na comparação com as duas últimas eleições. Foram 27 os que tiveram êxito nas urnas nessas condições, enquanto em 2014 foram 35, queda de, aproximadamente, 22,8%. Os eleitos com voto próprio em 2010 alcançaram 36.

FIM DAS COLIGAÇÕES

Se não houver mudança na legislação, a eleição deste ano será a última em que as coligações são permitidas para as eleições proporcionais – deputado federal e estadual – e  vereador no caso dos municípios. Isso porque o Congresso aprovou no ano passado a Emenda Constitucional (EC) 97/17 proibindo este tipo de aliança a partir de 2020.

 

Jerusia Arruda
Jerusia Arruda