FENICS 2019 - ACI

Obtenha mais clientes com a sua ficha do Google

Inicio » Colunistas » Pe. Ezequiel Dal Pozzo » Coluna do Pe. Ezequiel Dal Pozzo – A minha paz é ouro o resto é lixo

Coluna do Pe. Ezequiel Dal Pozzo – A minha paz é ouro o resto é lixo

Coluna do Pe. Ezequiel Dal Pozzo – A minha paz é ouro o resto é lixo

Você sabe o que significa limpar a casa, fazer faxina e tirar o lixo que acumulamos em nossa casa, na empresa, nos ambientes de depósito?  Não recolher o lixo significaria não cuidar da vida e do ambiente. Isso é inconcebível para alguém minimamente decente. Queremos ambientes limpos e saudáveis.

A mente e as emoções também acumulam lixo. Ocorre que na maioria das vezes não fazemos a faxina do nosso lixo mental. Nossa mente acumula o lixo das emoções perturbadoras e ao invés de limpa-la continuamos a dar espaço a elas. Quando percebemos estamos todos envolvidos, rodeados de emoções e pensamentos perturbadores. São como lixo que deixam nossa vida triste e angustiada. Precisamos fazer a faxina mental. Apreender a se livrar de emoções negativas, preocupações desnecessárias e pensamentos que somente perturbam a vida.

Uma ferramenta importante para isso é fazer a gestão das emoções. Para isso, você pode repetir a você mesmo o refrão: “Minha paz é ouro, o resto é lixo”. Você não precisa se preocupar com tudo, carregar o peso da sua vida e dos outros somente sobre seus ombros, achar que precisa resolver todos os problemas agora, deixar tudo fluindo nos mínimos detalhes. A vida e as coisas têm seu ritmo. As pessoas devem assumir as responsabilidades individuais. Não preciso carregar o outro nas minhas costas.

Quando repito “minha paz é ouro, o resto é lixo”, não estou desmerecendo o outro, nem quero chamá-lo de lixo. Longe disso! Somente estou dizendo que eu mereço ter paz, que posso largar alguns pesos, que solto minhas ideias perturbadoras para que elas se afastem de mim. Minha paz é muito importante para que eu transmita paz para meus irmãos. Se não tiver paz vou perturbar, preocupar e chatear os outros. Por isso, a minha paz renderá frutos aos outros. Se eu mantiver o lixo das minhas emoções, preocupações e ansiedades, então não levarei a paz a ninguém, ao contrário, levarei lixo. Isso os outros não querem e não merecem.

 Com essa ferramenta de limpeza das emoções você vai encontrar mais paz e serenidade todos os dias. Antes de dormir faça esse exercício. Perceba o que está carregando de lixo do seu dia e diga que quer limpar isso da sua mente, para acordar em paz depois do sono. Largue, limpe, coloque uma ideia positiva no lugar da negativa, perdoe, diga a você que sua paz é ouro e que você não levará para o dia seguinte o que te perturbou. Diga que você compreende aquela situação e também a pessoa que a causou. Perceba que acordar com as emoções limpas deixará você muito mais confiante e capaz de resolver as coisas e prosseguir. Você pode fazer essa limpeza, afinal, a sua paz é ouro.

Padre Ezequiel Dal Pozzo é sacerdote da Diocese de Caxias do Sul (RS). Cantor e compositor, lidera o Projeto Despertai para o Amor, de evangelização através da música e dos meios de comunicação. Já lançou 5 CDS e 1 DVD e roda o Brasil com shows musicais, palestras, missas e pregações. Apresenta diariamente a reflexão Despertai para o Amor em mais de 140 rádios de 19 Estados do Brasil e o programa semanal Despertai para o Amor na TV Evangelizar e na TV Nazaré. É editor da Revista Despertai para o amor de circulação trimestral e autor do livro“Beber na fonte do amor: como a misericórdia humaniza e traz verdadeira alegria”(Edições Loyola).

 

Padre Ezequiel Dal Pozzo
Padre Ezequiel Dal Pozzo

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *