Empréstimo Consignado para aposentados, pensionistas do INSS

Últimas Notícias
Casa das Apostas Online Betway

Montes Claros – A cidade de Montes Claros terá sua primeira praça com conceito sustentável no bairro Guarujá

Montes Claros – A cidade de Montes Claros terá sua primeira praça com conceito sustentável no bairro Guarujá

Montes Claros – A Prefeitura de Montes Claros está construindo, com o apoio da Associação Comunitária dos Moradores do Bairro Guarujá, uma praça com conceito sustentável, na esquina das ruas Tapajós e Pacuí, no bairro Guarujá. A praça está sendo feita com diversos tipos de materiais recicláveis, incluindo madeira de reflorestamento, madeira de reúso, e pneus.

Montes Claros - A cidade de Montes Claros terá sua primeira praça com conceito sustentável no bairro Guarujá
Montes Claros – A cidade de Montes Claros terá sua primeira praça com conceito sustentável no bairro Guarujá
A Associação Comunitária de Moradores do Bairro Guarujá foi beneficiada com recursos do Fundo Municipal do Meio Ambiente (FAMMA). Conseguiu viabilizar a coleta seletiva de porta em porta e capacitou famílias carentes com oficinas diversas, dentre elas a de fabricação de sabão em barra, com os objetivos de aumentar a renda familiar, melhorar a qualidade de vida e garantir a preservação do meio ambiente. “Nosso objetivo é incentivar e inspirar a população para ocupar os espaços públicos em benefício de toda a comunidade, inclusive fazendo intervenções, como é o caso desta praça, com princípios ecológicos e baseado na nossa realidade”, informou o Secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Paulo Ribeiro.
Para a presidente da Associação, Denise Marcelina Aguiar, todas as ações da população do Guarujá contam com o apoio da Prefeitura e têm grande importância para os associados e para os demais moradores do bairro. “A Prefeitura de Montes Claros tem sido uma grande parceira dos nossos projetos. E com esta praça não está sendo diferente”, exaltou a líder comunitária.
Segundo ela, a praça sustentável tem um conceito diferente: além de oferecer acessibilidade, o piso é permeável e os brinquedos e o pergolado são feitos de madeira de reflorestamento ou de reúso. “Precisamos mudar este nosso conceito de muito concreto, o que só aumenta o calor, que já é insuportável. Ou de ficar imitando o modelo americano, de usar muita grama. É possível fazer coisas bonitas e sustentáveis, baseado na nossa realidade”, disse Denise.
A arquitetura da Praça leva a assinatura de Thaynann Leôncio de Freitas.

Quer saber as notícias do Jornal Montes Claros em primeira mão? Siga-nos no Facebook @jornamoc, Twitter @jornalmoc e Instagram @jornalmoc.