Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Norte de Minas – Governo autoriza contratação emergencial de profissionais de saúde no Norte de Minas

Norte de Minas – Governo autoriza contratação emergencial de profissionais de saúde no Norte de Minas

Norte de Minas – O Governo de Minas Gerais autorizou, a contratação temporária e emergencial de 118 profissionais de saúde para o Hospital Universitário Clemente de Faria (HUCF), da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). O chamamento tem por objetivo suprir a demanda de atendimento às vítimas do coronavírus, com a abertura de novos leitos de UTI na unidade hospitalar.

Norte de Minas - Governo autoriza contratação emergencial de profissionais de saúde no Norte de Minas
Norte de Minas – Governo autoriza contratação emergencial de profissionais de saúde no Norte de Minas

Serão, inicialmente, quatro meses – com possibilidade de prorrogação – de contrato para enfermeiros (14) técnicos de Enfermagem (72), fisioterapeutas (6), farmacêuticos (6), técnicos de Radiologia (6), técnicos de laboratório (6) e técnicos de farmácia (8). Do total de admissões previstas, 82 servidores serão acrescentados à força de trabalho e, as outras, correspondem a substituições necessárias por conta de 36 afastamentos de profissionais que fazem parte do grupo de risco do Covid-19.

O pedido foi aprovado no Comitê de Orçamento e Finanças (Cofin), intersetorial, que tem como secretaria-executiva a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag). A instituição de ensino superior aguardava oficialização do Estado, após envio de estudo de impacto financeiro, para dar andamento ao processo de seleção de profissionais.

Frente universitária

Nesta semana, também foi idealizado na Unimontes o projeto “Apoio à população de Montes Claros e regiões Norte e Noroeste  de Minas Gerais no enfrentamento da pandemia da Covid-19”. A ação tem por objetivo otimizar ações do Governo do Estado e dos órgãos oficiais de saúde pública para conter o avanço da doença.

A frente universitária reúne, inicialmente, 20  professores e pesquisadores voluntários. Sob coordenação das Pró-Reitorias de Ensino, de Extensão, de Pós-graduação e de Pesquisa, a proposta é estabelecer uma rede com diversos representantes – universidade, prefeitura, empresários, igrejas e associações comunitárias – nas áreas de abrangência da universidade no estado, para criar um canal direto com a comunidade.

Ação estadual

O Estado tem adotado uma série de medida para enfrentamento à pandemia em Minas Gerais. A autorização de contratos emergenciais para o HUCF da Unimontes se soma, por exemplo, a novos aportes financeiros para auxiliar hospitais e municípios, anunciados pelo governo estadual nessa quinta-feira (27/3), além de parcerias para a ampliar o número de leitos no estado.

Processos seletivos emergenciais também já foram iniciados, na área de saúde, pela Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig) e Fundação Ezequiel Dias (Funed).

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *