Últimas Notícias

Evento online “Pega a Visão” oferece dicas para jovens que estão em busca de oportunidades de trabalho

Rio de Janeiro – RJ 1/9/2021 – Voltado ao público de 14 a 21 anos, o evento teve como objetivo apresentar caminhos para a conquista de vagas de estágio e de jovem aprendiz

Um bom currículo, feito dentro dos padrões recomendados, usar a roupa adequada no dia da entrevista e estar sempre bem informado sobre o mundo e a atuação da empresa em que tentará a vaga. Esses são alguns dos requisitos que parecem detalhes, mas são essenciais para o jovem que está em busca de sua primeira colocação no mercado de trabalho.

Essas e outras dicas foram dadas nesta quinta-feira (26), durante evento online “Pega a Visão”, promovido pela Ceptis. O objetivo foi mostrar caminhos para futuros candidatos a estagiários e a jovens aprendizes.

Voltado ao público de 14 a 21 anos, o evento reuniu especialistas sobre como conquistar pela primeira vez o mercado de trabalho sem ainda ter experiências no currículo.

A Supervisora de Acompanhamento de Programas do CIEE Rio, Sylvia Soares, falou sobre o chamado ‘mundo do trabalho’, convidando o jovem a se colocar no lugar do profissional que seleciona jovens talentos em alguma grande empresa. Em quais aspectos é preciso estar atento para contratar alguém? É com esse tipo de raciocínio que a supervisora acredita que o jovem inexperiente poderá ter mais chances de obter sucesso numa primeira entrevista para vaga.

Segundo a especialista, não existe receita milagrosa para conseguir um primeiro emprego. Fazer cursos, estar preparado e atento às oportunidades. “Seja curioso e bem informado. Assista ao jornal, Afeganistão, preço da gasolina, o que mais as pessoas estiverem comentando”, exemplificou ela. De acordo com Sylvia, uma novidade do atual mundo do trabalho que veio para ficar é o vídeo currículo, que precisa seguir o mesmo formato do currículo escrito. Primeiro, dados pessoais, depois experiência etc. e destaca: “atenção com o fundo do vídeo e com a roupa que você vai usar, tem que ser a mesma que você usaria para uma entrevista de trabalho presencial”, finalizou. De acordo com ela, se a pessoa não foi chamada para a vaga, não deve desanimar. É importante fazer uma autoavaliação de como foi o desempenho dela e os pontos que podem ser melhorados para uma próxima entrevista.

Para o CEO da Infill, e prestador de serviços na Gerando Falcões, Lucas Lima, que também participou do evento, a busca por conhecimento é o diferencial na conquista do mercado de trabalho. “O aprendizado é constante, o conhecimento é a única coisa que ninguém pode te roubar”, disse.

Lucas foi empreendedor do Complexo do Alemão e construiu uma impressora 3D a partir de peças que confeccionou com sucata. Hoje é formado em engenharia mecânica e participa de diversos projetos na área social e de tecnologia no setor privado.

De acordo com Fabiana Leite, gerente de comunicação da Ceptis, a ideia do evento partiu de um processo seletivo para vagas de jovens aprendizes na área de tecnologia, realizado pela Ceptis. A empresa fez a divulgação apenas internamente e se inscreveram mais de 200 candidatos. “Naturalmente, muitos ótimos perfis acabaram não sendo selecionados em razão do número limitado de vagas. No entanto, como todos dedicaram tempo e se esforçaram nesse processo seletivo, decidimos, em contrapartida, realizar um evento de incentivo para que continuem buscando a oportunidade que procuram”.

Website: http://www.ceptis.com.br