Últimas Notícias

O Brasil na mira dos investidores

Já sabemos que nosso país é um terreno fértil para todo tipo de indústria, atraindo capital estrangeiro em todos os setores. No entanto, um novo mercado começa a se abrir no país e pouca gente ainda está sabendo disso. São as plataformas de apostas esportivas online, como o Betboo. A nova onda chegou com tanta força por aqui, que muitos clubes brasileiros já vem sendo patrocinados por essas plataformas levando seu nome nos uniformes. Se você se perguntou para onde foram as publicidades de cerveja das laterais dos campos, saiba que a ode ao álcool é coisa do passado. A nova moda agora é fazer uma fezinha sem sair de casa.

O Brasil na mira dos investidores
Divulgação

Os ingleses ditando tendência

Mais uma vez os britânicos estão diretamente relacionados com novidade dentro do universo do futebol. O Reino Unido, além de ser o responsável por criar as regras desse esporte, também contém a maior quantidade de casas de apostas físicas e digitais do mundo, sendo muitas vezes chamado de Las Vegas Digital. O motivo é simples: além da paixão pelo futebol, os britânicos são viciados em apostas e ir ao jogo é tão comum quanto fazer uma fezinha no resultado. Na ida ao estádio é possível encontrar dezenas de estabelecimentos onde realizar um palpite valioso. Como já era de se esperar, a nova tendência da era moderna onde tudo vem sendo transferido para a internet também chegou para esse público e hoje a maioria das plataformas que operam no Brasil (e no mundo) vieram da terra da Rainha! Além disso os campeonatos europeus são os mais rentáveis para os apostadores que acompanham cada jogo com olhos clínicos de verdadeiros profissionais.E pasme: alguns deles realmente são e se chamam traders esportivos!

Mas por quê o Brasil?

A razão é bastante óbvia: brasileiro adora futebol e jogatina. Com a iminente regulamentação do mercado de apostas coordenada pelo governo federal, o país se tornou o grande alvo dos investidores desse mercado. O público já é responsável por injetar milhões de dólares na conta dessas empresas e que por serem sediadas em território estrangeiro, operam legalmente aqui levando todo o lucro pra fora do país. A atração dessas empresas pelo mercado brasileiro, tem se mostrado mais explícita nos últimos meses e diversos clubes brasileiros, já estão sendo patrocinados por essas plataformas.

Mas afinal, é ilegal ou não?

A resposta é não, a razão disso é tão controversa quanto a própria lei que proibiu a exploração dos jogos de azar no Brasil, em 1946. Naquela época, o então presidente Eurico Gaspar Dutra não contava com o que seria a internet e baseado em sua crença religiosa decidiu proibir o jogo com o argumento de que ele era degradante ao ser humano. Já se sabe que sua decisão foi fortemente influenciada pelo catolicismo de sua esposa e que pelo fato de ser tão antiga essa lei já não se adequa mais a atualidade, onde é possível acessar um cassino virtual dentro do Brasil sem que isso seja crime, afinal naquele momento nem se pensava em computadores. Além disso, estamos bem perto de uma regulamentação definitiva que irá atrair mais investidores, gerando milhões em ingressos aos cofres públicos e tranquilidade para o público brasileiro apostar sem nem precisar sair de casa.