Últimas Notícias

Estratégias de Customer Centric e propósito aumentam fidelidade de clientes

São Paulo – SP 22/9/2021 –

Com foco nas necessidades dos usuários, plataforma para investidores cria plano personalizável com recomendações de carteiras

As estratégias de “customer centric” e “customer experience” têm ganhado força nos últimos anos. Com o objetivo de fidelizar e melhorar resultados, elas colocam o cliente como centro do planejamento estratégico da empresa, auxiliando na criação de novos produtos e gerando modelos de negócios cada vez mais personalizados e com uma troca de valor mais equilibrada. No entanto, pesquisa realizada pela IDC Brasil, em julho de 2021, mostra que para apenas 24% dos entrevistados as estratégias de personalização utilizadas hoje são de fato eficazes. Por isso, é preciso que as companhias façam investimentos e realmente se dediquem a atender às necessidades dos clientes, se quiserem ter melhores retornos financeiros.

Ao mesmo tempo, uma pesquisa realizada pela Forrester Consulting, em 2018, comprova que empresas que investiram em produtos e serviços com base na experiência do cliente aumentaram a receita 1,4 vezes mais rápido, e perceberam que os clientes se mantiveram 1,6 vezes mais fiéis à marca, do que empresas que não utilizaram do mesmo método. Um bom exemplo é o TC – plataforma de inteligência do mercado de capitais que possui uma das maiores comunidades de investidores da América Latina -, que criou o primeiro plano personalizável para investidores pessoa física.

“O TC Premium é diferente de tudo o que já fizemos. Não só pelo foco no público com mais de R$150 mil aplicados na bolsa e que quer investir melhor, como também pela gama de benefícios específicos e personalizados que fazem parte da oferta. Tudo para oferecer maior apoio, comodidade, exclusividade e direcionais estratégicos ao investidor”, conta Pedro Albuquerque, CEO da techfin.

O plano de assinatura é o primeiro da empresa a oferecer consultorias personalizadas mensais, mentorias ao vivo, podcasts diários e recomendações de carteiras, se adequando completamente ao perfil e às necessidades do usuário como um passo da estratégia de “customer centric”. São carteiras diferentes para cada tipo de investidor, com opções com empresas de boa distribuição de dividendos, small caps, fundos de investimentos, entre outros perfis. A rentabilidade dessas carteiras é acompanhada mensalmente para que as recomendações tenham atualizações contínuas de acordo com as oportunidades do mercado.

A Carteira Matrix, por exemplo, teve um primeiro semestre com performance bem acima da bolsa de valores, um resultado gerado pelo forte desempenho de ações cíclicas que se beneficiam de um PIB mais forte e pela diversificação de estratégias. Até meados de agosto, a carteira tinha 13% de performance contra 5,41% do Ibovespa.

Em complemento, um levantamento realizado pela IBM com mais de 18 mil entrevistados, em 2020, mostrou que a maioria dos consumidores se divide em dois grupos: um que investe em produtos que valem a pena em questão de custo-benefício, qualidade e atendimento ao que precisam (41%); e outro grupo que investe em produtos de marcas que tenham um propósito maior que o comercial (40%).

Com a missão de difundir a educação financeira no país, desmistificando os investimentos para todos os níveis de investidores, a plataforma combina propósito e serviços utilitários para o usuário. No TC Premium, por exemplo, os membros têm acesso a mais de 30 cursos, que ajudam a entender novas bases de análise, interpretação de dados e metodologias para melhores tomadas de decisões.

Outra necessidade dos clientes é ter novidades em primeira mão. Assim, a empresa criou o Scoop by Mover, que traz informações exclusivas, análises de fluxo e monitoramento do mercado de commodities agrícolas, feitas por um time de especialistas. Os comunicados em primeira mão têm movimentado os ponteiros do mercado, como aconteceu após a ferramenta antecipar, uma semana antes da votação em plenário, que a Câmara dos Deputados teria votos suficientes para avançar com a Medida Provisória da Eletrobras. A ação da empresa avançou 7% após a publicação.

“O Scoop e as carteiras são novidades que formulamos especialmente para o público do TC Premium. São funcionalidades que ajudam o investidor a alcançar outro patamar em valor investido já que dão acesso a mais informações – um ativo essencial para aumentar o potencial das estratégias aplicadas”, completa Hugo Queiroz, diretor do TC Matrix, empresa do grupo focada em dados e estatísticas para análises da macroeconomia do país e das empresas negociadas em bolsa.

Website: https://tc.com.br/premium