Últimas Notícias
ideia de negócio

Como avaliar a viabilidade de uma ideia de negócio?

Quando um novo negócio é criado é de extrema importância entender o quanto ele possui de viabilidade dentro do mercado em que está inserido.

No momento em que um novo negócio é lançado no mercado, é preciso que seja feito um conjunto de ações que visem medir a importância que ele pode obter atuando em diversos tempos: curto, médio e longo prazo.

Utilizando o exemplo de uma empresa especializada em solda automatica, podemos perceber que essa empresa precisa atentar-se a fatores que envolvem todo o ecossistema de produção e distribuição.

Essa preocupação é essencial para dar o passo inicial de forma segura e eficaz, entendo qual a viabilidade daquele negócio.

O que é a Viabilidade do Negócio?

Medir a viabilidade de um negócio significa entender até que ponto essa nova empresa ou serviço mantém-se estável, sustentando-se através de sua própria atuação dentro do segmento em que está inserido. O principal foco dessa análise é medir a possível lucratividade do negócio.

Ao considerarmos um fabricante de imã neodímio, por exemplo, podemos entender que os custos são todos os gastos envolvendo o negócio e o lucro vem a partir da relação desses valores com a sua capacidade de produção e distribuição.

A viabilidade vai medir se esse lucro será o suficiente para manter a empresa funcionando e crescendo por um tempo considerável, sem que haja uma declinação brusca ao ponto de extinguir a existência do negócio.

Importância de medir a Viabilidade do Negócio

Ao considerarmos uma empresa que promove a ihm, ou interação humano x computador, entendemos previamente que este é um setor com imensa demanda. Afinal, a relação que possuímos atualmente com a internet tem sido muito mais próximas.

Contudo, mesmo sendo amplamente difundida, ainda é preciso realizar a análise, pois é ela que garantirá que a abordagem que ela vem seguindo é a ideal para consolidar a imagem da marca no mercado.

Todos os desafios enfrentados quando uma empresa é colocada no mercado podem ser antecipados pela análise de viabilidade, e dessa forma, conseguindo colocar em prática soluções para evitá-los.

Mesmo serviços altamente consolidados e necessários, como o de manutenção hidráulica, por exemplo, devem passar por essa análise quando se lançar no mercado. Ela definirá se as variáveis que envolvem esse negócio específico são favoráveis ou não.

Tipos de Viabilidade do Negócio

Toda a análise realizada em torno da viabilidade do negócio é altamente complexa e deve considerar todos os setores possíveis do mercado.

Com isso, é possível prever riscos e prever soluções necessárias para o sucesso do negócio. Portanto, a análise deve se estender sobre alguns termos principais, sendo eles:

  • Viabilidade Técnica;
  • Viabilidade Econômica;
  • Viabilidade Legal;
  • Viabilidade de Agendamento.

Durante a análise de viabilidade técnica, os responsáveis pela pesquisa irão entender se toda a parte voltada para o operacional irá conseguir atender as demandas do novo negócio.

No caso de uma caldeira a lenha, por exemplo, esse tipo de viabilidade irá entender se as máquinas já existentes e os funcionários contratados atenderem aos requisitos. Além dessa parte física, a análise também irá avaliar as capacidades digitais do novo negócio.

Enquanto isso, a viabilidade econômica foca em todos os fatores que envolvem os custos, as possíveis receitas e os lucros que podem ser provenientes das atividades do negócio.

Essa leitura dos possíveis lucros pode também ser um incentivo para o começo do negócio. Já a viabilidade legal avalia o quanto uma empresa segue as normas que englobam o setor.

Para uma empresa de válvula redutora de pressão, por exemplo, é necessário entender até que nível de pressão pode ser atendida ou os tipos de líquidos que as válvulas suportam, tudo considerando as definições técnicas e legais do setor.

E também tem uma das principais análises da viabilidade que é a do agendamento. Ela define em quanto tempo o negócio poderá sair do papel e ser considerado aplicável.

A data definida por essa fase deverá ser seguida com exatidão, caso não seja, é preciso reavaliar toda a análise, pois algum fator prejudicou o planejamento e não atenderá as necessidades do mercado.

Fatores de influência na viabilidade do negócio

Independente de qual segmento o novo negócio estiver inserido, a certeza é que a complexidade do negócio pode ser peça-chave para definir o sucesso da implementação.

Entender os principais pontos do mercado pode parecer uma tarefa difícil, mas que é facilitada quando são considerados os fatores de impacto nessas avaliações.

Conheça abaixo alguns destes principais pontos, que precisam ser analisados com cuidado e toda a atenção devida nesse ponto da implementação.

Tamanho do mercado

Para que a empreitada dentro do novo mercado seja eficiente, é preciso que o novo proprietário entenda se existe espaço para um negócio como o que ele está pretendo lançar.

Mesmo os maiores mercados, como os de produção de objetos fabris, como vareta de aluminio, por exemplo, ainda depende de inúmeros fatores para medir a viabilidade de um negócio.

A localização, concorrentes locais e o público específico do local pretendido para a atuação podem interferir diretamente no funcionamento daquele negócio, por isso é tão importante realizar essa análise considerando todos os fatores possíveis.

Durante a análise de mercado, o objetivo é entender o quão bem um novo negócio será bem recebido dentro deste setor específico, considerando variáveis referentes à própria empresa.

Interesses dos clientes

Um dos principais fatores que definem o quanto o negócio será vantajoso são os clientes. Afinal, eles serão responsáveis por consumir diretamente e dar vazão à produção daquele negócio, gerando a principal fonte de Receita.

Dentro desta análise, é preciso considerar uma série de fatores, entre eles o interesse real dos potenciais clientes em adquirir aquele produto ou serviço, bem como o preço que eles estão dispostos a pagar.

Desenhar qual seria o perfil desses clientes também é necessário, considerando qual faixa de renda eles possuem e quais os hábitos de vida que eles desenvolvem. Dessa forma, ficará mais fácil adaptar o lançamento do negócio a estes interesses.

Essa avaliação tem uma importância extrema, afinal o peso dos clientes dentro do negócio é enorme.

Opiniões sinceras

Quando um novo empreendimento lança um desengraxe alcalino, por exemplo, ele precisa antes de tudo testar esse produto e ouvir o feedback de pessoas próximas que estão acompanhando esse processo.

Essas opiniões, quando sinceras e objetivas, podem dar ao proprietário uma visão que ele não estava conseguindo ter do próprio produto, tendo dessa forma, uma chance de rever sua apresentação até chegar aos testes com o cliente final.

Os feedbacks podem também ir além da esfera do produto, alcançando desde o preço pretendido até a abordagem de marketing. Os concorrentes e demais pessoas do mercado também podem ser consultados para obter essas opiniões.

Network 

Nenhum negócio sustenta-se sozinho. É preciso desenvolver relacionamentos, principalmente com pessoas e empresas da mesma área para entender tendências de mercado e encontrar referenciais para as ações da própria empresa.

Essas relações de negócios podem ser construídas e consolidadas ao longo do tempo, mas durante as pesquisas de viabilidade do negócio, é preciso encontrar opções de espelho, pois serão essas conexões que irão nortear o entendimento da empresa.

Controle de finanças

Desde a sua criação, uma nova empresa precisa lidar com os valores que estão ligados à abertura desse negócio, desde o investimento inicial até as possíveis receitas geradas com as vendas.

É preciso desenvolver responsabilidade para lidar com estes pontos. Com esse entendimento da importância das finanças para negócios, a análise de viabilidade ficará ainda mais completa.

Avaliação do quanto se tem disponível para investir, os possíveis gastos, prováveis receitas e o lucro potencial desse negócio é essencial para entender sua viabilidade, afinal um investimento com mais gastos que retorno não faz sentido em nenhum mercado.

Boa gestão

Durante a análise de viabilidade do negócio, é preciso entender as necessidades que ele terá depois que for implantado. Um exemplo é o tipo de profissional que será necessário levantar para que todas as atividades sejam desenvolvidas com excelência.

Nessa análise, deve-se considerar, com honestidade, se os líderes atuais da empresa estão preparados para lidar com esse mercado aquecido ao qual estão se lançando, o que é de extrema importância para ter uma gestão saudável e eficaz.

Trabalhos de marketing

Pensar no Marketing da empresa é avaliar como ela será comunicada para os clientes em potencial, pensando na identidade visual do negócio, mensagem e o tipo de estratégia que será abordada.

Pode parecer um trabalho caro e demorado montar e aplicar uma boa estratégia de marketing. Contudo, as redes sociais vêm se tornando grandes aliadas nesse processo, proporcionando controle sobre gastos e sobre o tipo de comunicação.

Realizar todos os esforços que estiverem ao alcance para garantir o sucesso do negócio nunca será uma desvantagem, o investimento no planejamento é o segredo para um início de atividades sem sustos e com muito retorno.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.