Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Eleições 2014 – Dilma diz acatar decisão do TSE sobre uso do Palácio

A presidente Dilma Rousseff afirmou neste domingo (21), que respeita a posição do presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), José Antônio Dias Toffoli, que disse à revista Época que considera uma “vantagem indevida” o uso do Palácio da Alvorada para entrevistas de campanha. “Eu respeito muito a posição do presidente do Tribunal, mas todos os meus antecessores usaram o Palácio. Caso contrário, serei uma sem teto, irei para rua dar entrevista porque não tenho casa e não posso usar o Palácio do Planalto”, disse em rápida entrevista no Palácio da Alvorada.

Mas é estranho porque todos que me antecederam usaram o Palácio da AlvoradMas é estranho porque todos que me antecederam usaram o Palácio da Alvorada", disse a candidata", disse a candidata
Mas é estranho porque todos que me antecederam usaram o Palácio da Alvorada”, disse a candidata

Segundo ela, Fernando Henrique Cardoso e Luiz Inácio Lula da Silva usaram o Alvorada em suas campanhas à reeleição e não houve problema algum. Dilma disse que espera uma posição do TSE para esclarecê-la. A presidente afirmou que não se deixa fotografar com símbolo da presidência ao fundo. “É obvio que vou acatar a decisão, nem preciso falar do respeito que eu tenho sobre as opiniões do presidente do tribunal. Mas é estranho porque todos que me antecederam usaram o Palácio da Alvorada”, disse.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)