Empréstimo Consignado para aposentados, pensionistas do INSS

Últimas Notícias
Casa das Apostas Online Betway

Europa – Adolescente britânico é condenado a cinco anos de prisão por incitar o terrorismo

Um britânico de 15 anos foi condenado nesta sexta-feira à prisão perpétua, da qual cumprirá ao menos 5 anos, por incitar a realização de um atentado na Austrália.

Um britânico de 15 anos foi condenado nesta sexta-feira à prisão perpétua, da qual cumprirá ao menos 5 anos, por incitar a realização de um atentado na Austrália.
Um britânico de 15 anos foi condenado nesta sexta-feira à prisão perpétua, da qual cumprirá ao menos 5 anos, por incitar a realização de um atentado na Austrália.

.

.

Um tribunal de Manchester, no centro da Grã-Bretanha, ditou a sentença. O jovem, cuja identidade não foi revelada porque é menor, mas que era chamado por seus colegas de classe de terrorista, tinha 14 anos quando organizou e encorajou um plano para decapitar vários policiais em um ato comemorativo em Melbourne, tudo a partir de seu quarto em Blackburn, no norte da Inglaterra.

Segundo a polícia, o jovem incitou o australiano de 18 anos Sevdet Besim a cometer o atentado que com toda certeza teria provocado a morte de várias pessoas, se não tivesse sido abortado pela polícia.

Ambos trocaram mais de 3.000 mensagens encriptadas para preparar o plano.

O juiz que impôs a sentença disse que a prisão perpétua significa que não sairá da prisão pelo menos até que deixe de ser considerado perigoso.

.

.

Se não fosse detido, disse o juiz, “teria continuado fazendo sua parte com a esperança e a intenção de que o desenlace fosse a morte de várias pessoas”.

“Teria adorado que isso ocorresse. Ficaria feliz com a notoriedade que receberia”, acrescentou.

O plano deveria ser executado no dia do Anzac (Australian and New Zealand Army Corps), no dia 25 de abril de 2015, um dia comemorativo que é lembrado todos os anos na Austrália e na Nova Zelândia.

Nela é lembrada a derrota ante o Império Otomano na batalha de Galípoli de 1916, durante a Primeira Guerra Mundial, na qual ambos países aliados perderam um grande número de soldados.

Da AFP

.

Quer saber as notícias do Jornal Montes Claros em primeira mão? Siga-nos no Facebook @jornamoc, Twitter @jornalmoc e Instagram @jornalmoc.