PÓS-GRADUAÇÃO PUC MINHAS em MONTES CLAROS

Obtenha mais clientes com a sua ficha do Google
Inicio » Minas Gerais » MG – Minas ultrapassa 100 mortes por dengue no ano

MG – Minas ultrapassa 100 mortes por dengue no ano

Com mais de 100 mortes registradas em menos de seis meses, Minas Gerais caminha a passos largos para superar o recorde de óbitos causados pela dengue em um mesmo ano.

O boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) divulgado nesta terça-feira (24) demonstra que 103 pessoas já foram vítimas da doença em 2016 e outros 176 óbitos ainda são investigados pela pasta. O recorde pertence ao ano de 2013, quando 117 pessoas morreram por causa da enfermidade ao longo de 365 dias.

MG - Minas ultrapassa 100 mortes por dengue no ano
MG – Minas ultrapassa 100 mortes por dengue no ano

 

De acordo com o relatório da SES-MG, a população acima de 80 anos é a que apresentou o maior número de óbitos em decorrência da dengue. Nessa faixa etária, 29 pessoas morreram neste ano. O grupo entre 50 a 64 anos aparece em segundo lugar na lista, com 23 casos, seguido pelo grupo de 65 a 79 anos, com 21.

Juiz de Fora, na Zona da Mata Mineira, lidera a relação de municípios com mortes pela dengue até o momento. Ao todo, foram 23. Belo Horizonte (20) e Itaúna (6) são as outras duas cidades com os maiores índices.

Casos prováveis

O boletim epidemiológico também aponta o número de casos prováveis da enfermidade em 2016. Em todo o Estado, são 464.264 ocorrências contabilizadas pela secretaria até o dia 23 de maio. Nesta classificação, estão incluídas as notificações confirmadas e as suspeitas.

Em relação ao boletim divulgado pela secretaria na semana passada, quando 445.767 notificações foram registradas, houve um amento de 4,14% em apenas sete dias.

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *