Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Inicio » Minas Gerais » Sul de Minas » MG – Adolescentes podem ter sido vítimas de estupro coletivo no Sul de Minas

MG – Adolescentes podem ter sido vítimas de estupro coletivo no Sul de Minas

MG – Adolescentes podem ter sido vítimas de estupro coletivo no Sul de Minas

Mais um caso de estupro coletivo pode ter acontecido no município de Machado, no Sul de Minas.

MG - Adolescentes podem ter sido vítimas de estupro coletivo no Sul de Minas
MG – Adolescentes podem ter sido vítimas de estupro coletivo no Sul de Minas

 

A Polícia Civil investiga o caso de duas adolescentes que teriam sido levadas para um casa na zona rural da cidade, dopadas e violentadas por 25 homens.

As duas meninas, uma de 14 e outra de 15 anos, teriam sido mantidas em cárcere privado no bairro Jardim das Oliveiras e dopadas por alguma substância misturada com guaraná.

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, a quantidade de suspeitos envolvidos ainda está sendo apurada pelo delegado responsável pelo caso.

A denúncia foi feita pela mãe de uma das garotas, depois que a garota ficou desaparecido por todo o fim de semana e relatou o que havia ocorrido.

As jovens foram levadas para fazer exames médicos na cidade de Alfenas, que fica a cerca de 40 quilômetros de Machado.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *