Semana Global do Empreendedorismo - CLIQUE AQUI

Últimas Notícias
Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Prefeitura realiza Dia D Contra a Tuberculose nesta sexta

Montes Claros – Prefeitura realiza Dia D Contra a Tuberculose nesta sexta

Montes Claros – Prefeitura realiza Dia D Contra a Tuberculose nesta sexta

A Prefeitura de Montes Claros irá realizar nesta sexta-feira, 22, o Dia D de Mobilização Contra a Tuberculose. O evento será realizado na Praça Doutor Carlos, das 8 às 17 horas, fornecendo para a população informações sobre os sinais, sintomas e tratamento da doença.

Montes Claros - Prefeitura realiza Dia D Contra a Tuberculose nesta sexta
Montes Claros – Prefeitura realiza Dia D Contra a Tuberculose nesta sexta

 

A tuberculose é um sério problema de saúde pública, com profundas raízes sociais e que, apesar disso, é uma doença que tem cura e cujo tratamento é gratuito e disponibilizado pelo Sistema Único de Saúde.

A biomédica Grazielle Barbosa Albuquerque sentiu na pele as consequências da tuberculose. Após contrair a doença em outubro de 2015, foram precisos mais de 6 meses para se chegar ao diagnóstico (os médicos, antes, trabalharam com as hipóteses de linfoma e toxoplasmose). Após ser confrontada com o diagnóstico, Grazielle diz que ficou tranquila, porque sabia que era uma doença que tinha cura.

A biomédica Grazielle Barbosa Albuquerque sentiu na pele as consequências da tuberculose.
A biomédica Grazielle Barbosa Albuquerque sentiu na pele as consequências da tuberculose.

 

Mas, para ela, a parte mais difícil estava para começar: o tratamento. Inteiramente fornecido pelo SUS, o coquetel de medicamentos provocou diversos efeitos colaterais, como náuseas intensas. “Queria interromper, mas fui incentivada pelos colegas a continuar”, lembra a biomédica, explicando que sua decisão foi a mais acertada, já que, se ela tivesse parado, a doença criaria resistência à medicação, o que poderia provocar consequências bastante graves.

Ela conta que, superada a fase inicial do tratamento, os efeitos colaterais diminuíram bastante, e ela hoje está completamente recuperada. “O problema é que muitos desistem do tratamento”, alerta Grazielle.

DOENÇA – A tuberculose é uma doença infectocontagiosa causada pelo Mycobacterium tuberculosis, que atinge principalmente os pulmões. A transmissão ocorre por via aérea, ou seja, a partir da inalação de aerossóis, produzidos pela tosse, espirro ou fala de doentes com tuberculose de vias aéreas (tuberculose pulmonar ou laríngea). Somente pessoas com tuberculose ativa transmitem a doença. Durante um ano, numa comunidade, uma pessoa com baciloscopia de escarro positiva infecta, em geral, de 10 a 15 pessoas. Contudo, com o início do esquema terapêutico adequado, a transmissão tende a diminuir gradativamente e, em geral, após 15 dias de tratamento chega a níveis insignificantes.

NO BRASIL E NO MUNDO – Anualmente, são notificados cerca de 10 milhões de novos casos de tuberculose em todo o mundo, levando mais de um milhão de pessoas a óbito, sendo que no Brasil, a cada ano, são notificados aproximadamente 70 mil casos novos e ocorrem 4,5 mil mortes em decorrência da doença.

EM MONTES CLAROS – Em Montes Claros, foram registrados nos anos de 2016 e 2017, 76 e 79 casos novos da doença, respectivamente. Em relação aos óbitos, 5 foram associados à tuberculose em 2016 e, no corrente ano, já são 6 mortes.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *