Vaga no Bolso

Inicio » Esporte » Copa 2018 » Rivais desde a expansão marítima, Portugal e Espanha fazem o 1º clássico da Copa

Rivais desde a expansão marítima, Portugal e Espanha fazem o 1º clássico da Copa

Rivais desde a expansão marítima, Portugal e Espanha fazem o 1º clássico da Copa

São mais de 500 anos de rivalidade. Na história, no futebol. Os vizinhos de Península Ibérica protagonizam hoje, às 15h (no horário de Brasília), o primeiro grande duelo da Copa do Mundo da Rússia. 

Companheiros de Real Madrid, Sergio Ramos e Cristiano Ronaldo travarão uma batalha épica
Companheiros de Real Madrid, Sergio Ramos e Cristiano Ronaldo travarão uma batalha épica

 

Os embates entre Portugal e Espanha começaram nos séculos 15 e 16. Eles concorriam entre si na descoberta de rotas marítimas e, depois, por disputas militares e políticas por territórios. No campo da bola, o encontro começou em um amistoso em 1921, em Madrid.

Desde então, foram 35 jogos, com supremacia espanhola: 16 vitórias, 13 empates e seis vitórias portuguesas.

A nível mundial, Portugal tem a Espanha engasgada pelas vitórias da La Roja nas oitavas de final da Copa do Mundo de 2010 e na semifinal da Eurocopa de 2012, nos pênaltis.

Mas, por ironia, quem reina hoje no futebol espanhol é um português: Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, cinco vezes eleito o melhor do mundo. Entre os 23 jogadores de Fernando Santos pra Copa, só CR7 e o atacante Gonçalo Guedes, do Valencia, disputam o Campeonato Espanhol.

O craque português, aliás, ajudou Portugal a ganhar seu primeiro título de expressão, faturando a Eurocopa em 2016. Ele será marcado de perto pelo companheiro de time, o zagueiro Sergio Ramos, apenas um entre os seis madrilenhos do grupo. Aliás, nessa guerra interna espanhola, o Barcelona só tem quatro no elenco do agora técnico Fernando Hierro, ex-diretor esportivo da seleção.

O treinador assumiu o cargo de supetão, convidado anteontem para a função, depois da demissão de Julen Lopetegui, desligado pela Federação Espanhola por ter anunciado seu acerto com o Real Madrid para depois do Mundial.

O quanto a saída de Lopetegui vai influenciar no desempenho da equipe? Está será uma das grandes questões a serem respondidas no embate de hoje. Os jogadores da Espanha garantem que nada muda. “Nossa ambição segue intacta. Encarar as partidas como finais é a coisa mais certa, sobretudo, neste tipo de competição”, ressaltou Sergio Ramos.

Em um grupo com rivais menos badalados, o duelo já pode indicar quem deve ser o primeiro colocado do grupo B. O técnico português Fernando Santos sabe o peso do encontro. “É um clássico do futebol mundial. São duas equipas com o objetivo de vencer o jogo”, ponderou.

NÚMEROS

35
jogos marcam o confronto entre Espanha e Portugal

16
vitórias da equipe portuguesa

6
triunfos apenas do time português, com 13 empates

72
gols marcados pela Espanha, 41 por Portugal

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *