OI TOTAL COM FIBRA
Inicio » Mais Seções » Beleza » Cosmético que combate a calvície de forma eficaz é criado na UFMG; produto já é vendido no mercado

Cosmético que combate a calvície de forma eficaz é criado na UFMG; produto já é vendido no mercado

Cosmético que combate a calvície de forma eficaz é criado na UFMG; produto já é vendido no mercado

Um novo cosmético para combater a calvície chega ao mercado brasileiro com bons índices de resultado. O produto foi desenvolvido pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), através do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Nanobiofarmacêutica (INCTN), e tem como princípio ativo um polipeptídio produzido pelo corpo humano.

Alessandro Carvalho, um dos voluntários na fase de teste do produto mostra o resultado dos três meses de tratamento com o tônico capilar
Alessandro Carvalho, um dos voluntários na fase de teste do produto mostra o resultado dos três meses de tratamento com o tônico capilar

 

Vendido desde o início deste mês nas lojas do seguimento de cosméticos, o Sanctio como é chamado, foi descoberto a partir de uma pesquisa com foco no tratamento de doenças cardiovasculares, iniciada há 30 anos, a possibilidade da criação de um tônico capilar é estuda há 10 anos.

De acordo com o coordenador da pesquisa e do INCTN, professor Robson Santos, o produto não é um medicamento, e sim, um cosmético, que tem a função de aumentar o fluxo sanguíneo no local, além de ter propriedades antioxidante e evitar a morte celular. “Os estudos mostraram resultados satisfatórios no combate à queda do cabelo e no crescimento de novos fios na região calva onde ainda existe o folículo capilar”, comenta o professor.

Ainda de acordo com professor Robson Santos, durante os testes, em 66% dos casos o cabelo cresceu na região onde havia falha capilar e em 30% novos fios de cabelo surgiram.

Para chegar a essa conclusão foram necessárias duas etapas de estudos, na primeira, por um período curto, 90 voluntários foram observados a respeito do surgimento de alergias e efeitos colaterais, e na segunda, 60 candidatos utilizaram o produto em casa por um período de três meses.

O contador Alessandro Carvalho, de 38 anos, foi um dos voluntários na pesquisa e diz estar satisfeito com o resultado. “Fiz a foto antes e depois de usar o tônico capilar, e o resultado é nítido. Diminuiu a queda do cabelo, cresceu novos fios, eliminou a caspa que tinha e melhorou a qualidade do couro cabeludo”, afirma. De acordo com Alessandro, participar dos testes não alterou em nada a rotina diária, e explica como é aplicado o produto. “Com o cabelo seco, antes de dormir, eu pingava 10 gotinhas do cosmético no local sem cabelo, como era recomendado, e fazia uma leve massagem com a ponta dos dedos na região. No outro dia, ao acordar, eu lavava a cabeça e pronto”.

Apesar de toda a empolgação o coordenador da pesquisa, professor Robson Santos, ressalta que o produto não é 100% eficaz, e que o resultado do tratamento varia de pessoa para pessoa.

O professor também deixa claro que o tônico capilar não tem o mesmo índice satisfatório em mulheres que também são afetadas pela calvície.

Para facilitar o licenciamento e a comercialização do Sanctio, o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Nanobiofarmacêutica (INCTN) criou a empresa Alamantec, que tem como diretor-presidente o coordenador da pesquisa, professor Robson Santos.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, a calvície afeta metade dos homens do planeta. Já a calvície feminina, atinge 5% das mulheres no mundo todo.

Veja a foto do cosmético:

Criado pela UFMG, através do Instituto Nacional de Ciências e Tecnologia de Nanobiofarmacêutica (INCTN), tônico capilar é considerado eficaz pelos pesquisadores
Criado pela UFMG, através do Instituto Nacional de Ciências e Tecnologia de Nanobiofarmacêutica (INCTN), tônico capilar é considerado eficaz pelos pesquisadores

 

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *