OI TOTAL COM FIBRA
Inicio » Mais Seções » Tecnologia » 5 dicas de segurança para proteger sua carteira virtual

5 dicas de segurança para proteger sua carteira virtual

5 dicas de segurança para proteger sua carteira virtual

A carteira de bitcoin é o local na qual pode ser guardado a sua criptomoeda. Hoje uma carteira digital é extremamente útil para garantir o armazenamento das suas moedas digitais.

5 dicas de segurança para proteger sua carteira virtual

 

Muitos usuários têm investido neste mercado, porém, os usuários iniciantes não sabem dos cuidados de segurança. Na realidade muitos riscos envolvem o meio das criptomoedas.

Diante desse cenário, é possível que diversos usuários virem alvos fáceis de cibercriminosos e ladrões. Pensando nisso, trazemos a seguir algumas dicas para assegurar a segurança da sua moeda digital. Acompanhe o artigo e tire suas dúvidas.

O que é carteiras de criptomoedas

As carteiras de criptomoedas ou “wallet” do inglês tem referência ao nome do software com chaves criptográficas. Estes itens garantem que o usuário receba suas transações com as moedas digitais. Além disso, ela pode ser usada para chegar o saldo, assim como o armazenamento de chaves públicas e privadas. 

Como funciona

A carteira de bitcoin não faz o armazenamento da moeda. Na realidade estas são armazenadas em um local que não existe em forma física. O que existe são apenas os registros das transações que ficam armazenadas na blockchain.

Quando o usuário faz o envio do bitcoin, ocorre o envio das moedas para um endereço público, mais para outra carteira. Neste ponto não existe uma troca física da moeda. Esta transação é apenas o registro da blockchain e alteração no saldo da carteira bitcoin. 

Tipos de carteira

Hoje existem diversas carteiras de bitcoin que permitem o armazenamento seguro das suas moedas. Para conhecimento veja algumas das opções disponíveis no mercado: 

Carteira para computador

Neste modelo o programa roda em um computador de mesa ou notebook. Bastante prático, a sua maior desvantagem é precisar de um dispositivo, o que faz com que a mesma fique vulnerável em caso de vírus. 

Carteira mobile

A carteira mobile funciona como um aplicativo para smartphone ou tablet. Bastante prática, ela permite que o pagamento seja feito no dia a dia. Entretanto, sem o backup é possível que o usuário perca o acesso. 

Carteira web ou online

Este tipo de carteira possui sua execução na nuvem e garante o acesso de qualquer dispositivo. O problema é que os provedores da carteira web fazem o armazenamento das chaves privadas, assim o usuário não tem controle das moedas digitais. Se ocorrer o ataque hacker é possível que o usuário perca os fundos. 

Carteira hardware

A carteira de hardware possui formato do dispositivo físico eletrônico. O ponto positivo é sua segurança, pois permite transações online. Além disso, as chaves ficam guardadas em meio off line permitindo a adição de fundos e são livres de ataque de hackers. 

Carteira de papel (paper wallet)

Esta carteira tem o seu armazenamento de forma impressa. Diante disso, a carteira é uma cópia física das chaves públicas e privadas. Bastante segura, podem ser feitas de forma offline o que evita contato com a internet. O maior problema é que se perder o papel é possível não ter acesso. O ideal é guardar os fundos em longo prazo. 

Segurança com carteira de bitcoin

Agora que você já conhece um pouco da carteira, confira a seguir as nossas cinco dicas para manter seu bitcoin seguro! 

1 – Bitcoin versátil

Para manter a privacidade é possível ocultar o endereço do IP. Nesta opção você pode mudar o endereço em toda a transação. Além disso, o usuário pode separar as transações em carteiras diferentes. 

2 – Backups da carteira virtual

Para o armazenamento físico é recomendado fazer o backup frequente, e usar mídias e locais diferentes. 

3 – Criptografe a carteira

É fundamental que o usuário criptografe sua carteira, principalmente se a mesma estiver armazenada online. O uso de uma senha forte também é importante para manter os dados a salvo. 

4 – Dupla autenticação

Ao utilizar os serviços de armazenamento online é preciso utilizar a dupla autenticação. Isto é ideal para os serviços que possuem suporte para carteiras de hardware. 

5 – Sistema atualizada

O sistema, aplicativo ou qualquer outro dispositivo está sujeito às falhas. Neste caso, é preciso que o sistema mantenha-se atualizado.

A carteira de bitcoin pode ser afetada por um malware que está hospedado em um hardware. O recomendado é apresentar uma solução de segurança segura e fazer o rastreamento completo de forma regular

No geral com as dicas acima é possível ter uma base de como deve ser feita a proteção das suas moedas digitais. Com as precauções corretas é possível garantir os benefícios das criptomoedas e mantê-las seguras.

 

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.O espaço de comentários em nossos artigos é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *