PÓS-GRADUAÇÃO PUC MINHAS em MONTES CLAROS

Obtenha mais clientes com a sua ficha do Google
Inicio » Norte de Minas » Norte de Minas – CODANORTE e AMAMS discutem unidade de acolhimento

Norte de Minas – CODANORTE e AMAMS discutem unidade de acolhimento

Norte de Minas – CODANORTE e AMAMS discutem unidade de acolhimento

Norte de Minas – O Consorcio de Desenvolvimento Sustentável do Norte de Minas (Codanorte) e a Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (AMAMS) discutiram ontem de manhã em Belo Horizonte como manter a Unidade de Acolhimento Lar São Francisco, sediada em Januária, que abriga crianças e adolescentes em vulnerabilidade social e até agora mantida pelos municípios de Bonito de Minas, Conego Marinho, Itacarambi e Pedras de Maria da Cruz. A reunião foi realizada com a subsecretária de Politicas Sociais, Janaina Reis e com a diretora estadual de Alta Complexidade da Secretaria de Desenvolvimento Social, Tatiane Patricia dos Reis.

Norte de Minas - CODANORTE e AMAMS discutem unidade de acolhimento
Norte de Minas – CODANORTE e AMAMS discutem unidade de acolhimento

 

O secretário-executivo do Codanorte, Enilson Francisco dos Santos; a coordenadora do Lar São Francisco, Ariele Cristine Rodrigues Dias e a coordenadora do Departamento de Serviço Social da AMAMS, Laila Tätiane, mostraram a demanda do órgão, salientando que atualmente cada município gasta R$ 12 mil por mês para o custeio do local que está com quatro crianças e seis adolescentes recebendo atendimento, mas esbarram na falta de recursos e por isso, seria conveniente se o Estado fizesse o aporte de recursos para aliviar os cofres municipais. Também pediram a capacitação para os servidores envolvidos no projeto.

Lembram que os municípios de maior porte recebem verbas federais, enquanto nos municípios de menor porte, dependendo dos repasses do Estado. A AMAMS solicitou que esse pleito fosse ampliado para os municípios filiados que apresentam essa demanda, pois o  Piso Mineiro contempla os repasses,  porém não é o suficiente para arcar com todos as demandas vinculadas a assistência social.  Janaina Reis ela demonstrou apoio e interesse em atender as demandas referente ao Codanorte e Amams e  se mostrou  disponível a estar atuando em conjunto. O Codanorte propôs atender e visitar os municípios que atuam junto ao consórcio ofertando uma capacitação para estes profissionais que já estão na região e que o Polo pode ser Januaria, haja vista que contempla todos os municípios consorciados

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *