NordVPN 75% OFF

Vaga no Bolso
Inicio » Economia » Saiba a diferença entre Day Trade e Swing Trade

Saiba a diferença entre Day Trade e Swing Trade

Saiba a diferença entre Day Trade e Swing Trade

Começar a investir no mercado de ações é uma verdadeira aventura: é preciso ter experiência e conhecimento básicos para poder se dar bem e colher bons rendimentos das oscilações dos produtos negociados.

Saiba a diferença entre Day Trade e Swing Trade

Para que isso ocorra, no entanto, é preciso conhecer alguns termos que, a princípio, podem assustar os investidores de primeira viagem. Mas não é preciso se preocupar: ao compreender a dinâmica do mercado, esses conceitos se tornam mais simples de serem entendidos.

De todo modo, a regra de ouro é pesquisar. Assim, quanto mais se lê sobre as operações na bolsa, índices, cenário político-econômico e outros temas relacionados, fica quase instintivo operar na B3 — antiga Bovespa e única bolsa de valores brasileira.

Depois disso, claro, é preciso adquirir um pensamento estratégico que ajude, na realidade, a ter sucesso no mercado de ações. E ele é desenvolvido ao colocar a mão na massa, ou seja, ao unir a teoria com a prática de investimentos.

O mais indicado é começar aos poucos, com quantidades menores de dinheiro, para verificar como a bolsa funciona no dia a dia. Lembre-se sempre de diversificar as aplicações em variados setores do país e diferentes categorias de investimentos (como renda fixa), para evitar prejuízos.

Como investir no mercado de ações?

O mercado de ações é o local onde todas as negociações de papéis são feitas. Entretanto, não é exatamente nele que o investidor pode comprar ou vender seus ativos, é preciso ter uma conta em uma corretora.

Tudo, claro, funciona de acordo com um regimento e fiscalização minuciosa, feitos pela Comissão de Valores Mobiliários, ou CVM: é ela a responsável por proteger todos os agentes envolvidos nas negociações — empresas, investidores (de todos os portes) e corretoras.

Para para entender como comprar ações ou vendê-las, é preciso, primeiro, ter uma conta em uma corretora de valores e transferir uma quantia de dinheiro para ela. Lembre-se de que a lógica é a mesma de um mercado organizado: quando se está disposto a pagar o que pedem, o negócio é feito.

Tudo que é feito durante o pregão, ou seja, no período do dia em que é possível comprar e vender papéis. Mas, claro, as negociações podem ser feitas no mesmo dia ou em dias diferentes, dependendo da estratégia utilizada.

Day Trade e Swing Trade

De forma simplificada, Day Trade é quando o investidor abre uma posição e a encerra no mesmo dia, isto é, quando a compra e a venda ocorrem no pregão, independentemente de ter lucro ou prejuízo.

Já o Swing Trade é a estratégia oposta: quando o investidor abre uma posição e a encerra apenas dias depois, chegando até a 4 dias depois. Aqui, também não importa se a operação foi vantajosa ou não.

Todas essas operações na bolsa de valores custam uma taxa de corretagem, seja para compra ou para venda. Por isso, para as negociações de Day Trade, em específico, é preciso estar atento para o valor que isso pode gerar.

De modo geral, o Day Trade acaba resultando em custos maiores, pois o Imposto de Renda cobrado também é mais alto: enquanto investimentos convencionais chegam a cobrar cerca de 15%, o Day Trade pode chegar a 20%.

Tudo isso sem contar o risco de crédito em si, ou seja, a possibilidade de se perder dinheiro na compra e venda das ações. Por isso, o controle emocional é imprescindível que no mercado de ações, principalmente para o Day Trade, em que as operações podem durar apenas segundos.

Quando usar Day Trade ou Swing Trade?

Operar na bolsa é uma batalha: investidores mais experientes, com feeling para a volatilidade do mercado tendem a se dar melhor. Por isso, caso não tenha nervos de aço, o mais indicado é não se arriscar tanto.

Por isso, o Day Trade exige uma dose a mais de consciência, disciplina e instinto. Uma boa dica, para entender melhor sua dinâmica, é investir uma quantia menor de dinheiro, até ter certeza da estratégia utilizada e para acostumar-se com a naturalidade das oscilações.

É importante entender que não existe um modo melhor para seguir, o Day Trade e o Swing Trade são indicados para situações diferentes e, por isso, é preciso ponderar qual é o ideal para a situação em que se está.

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NordVPN 75% OFF