Últimas Notícias

Montes Claros – Cândido Canela será homenageado pela Prefeitura de Montes Claros

Montes Claros – Cândido Canela será homenageado pela Prefeitura de Montes Claros

Montes Claros – Um busto do saudoso escritor e vereador Cândido Canela será confeccionado pelo artista plástico Gu Ferreira, servidor da Prefeitura de Montes Claros, com a colaboração dos reeducandos dos programas Para Além das Prisões e Jardim para as Borboletas. A obra de arte será instalada no interior do Parque Municipal Cândido Canela. O busto terá aproximadamente 2 metros de altura por 1,40 de largura e será feito de material reciclável, nos mesmos moldes daquele que foi feito para homenagear o ex-prefeito Antônio Lafetá Rebello e afixado no interior do Parque Municipal Milton Prates.

Parque Cândido Canela
Parque Cândido Canela

 

O Parque Municipal Cândido Canela, nos fundos do Terminal Rodoviário Ildeberto de Freitas, no bairro Canelas, está praticamente pronto. Estão em fase de conclusão a instalação de um novo e moderno sistema de iluminação de LED, a colocação de grama nas laterais da pista de caminhada (que tem 500 metros de extensão), e o plantio de palmeiras na entrada principal. O parque terá quase 19 mil metros quadrados de área preservada e será o primeiro espaço verde daquela região, sendo mais uma opção de diversão, lazer, esporte e entretenimento para a população. A sinalização horizontal e vertical, inclusive com placas orientativas para a boa utilização do local, também está sendo instalada.

O parque será cercado e dotado de academia ao ar livre, quadra poliesportiva, móveis rústicos, bebedouro e obras de arte. Ele receberá também dezenas de mudas de pequi no próximo 5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente.

Foi de Cândido Canela a autoria de uma pioneira lei que proibiu a derrubada ou corte da árvore pequizeiro, a Lei Municipal n° 355, de 12 de abril de 1957, que virou referência nacional. Inspirados nesta lei, vários estados e municípios já proibiram o corte do pequizeiro, caso de Minas Gerais, que declarou a árvore como de preservação permanente, de interesse comum e imune de corte, através da Lei Estadual 10.883, de 1992.

Segundo o secretário municipal de Planejamento e Gestão, Cláudio Rodrigues de Jesus, que está respondendo pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, o Parque Cândido Canela está sendo construído nos mesmos moldes do Parque Sagarana, que foi recentemente inaugurado e já virou um cartão-postal da cidade, atraindo centenas de pessoas diariamente, por causa de sua beleza e segurança.