FENICS 2019 - ACI

Obtenha mais clientes com a sua ficha do Google

Inicio » Norte de Minas » Norte de Minas – Em até 60 dias o Hospital de Januária deverá ter o alvará sanitário

Norte de Minas – Em até 60 dias o Hospital de Januária deverá ter o alvará sanitário

Norte de Minas – Em até 60 dias o Hospital de Januária deverá ter o alvará sanitário

Norte de Minas – 60 dias foi o prazo estipulado, através de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), para emissão do Alvará Sanitário para o Hospital Municipal de Januária, expedido pela Vigilância Sanitária Estadual.

Norte de Minas - Em até 60 dias o Hospital de Januária deverá ter o alvará sanitário - Foto: José Maria Guedes
Norte de Minas – Em até 60 dias o Hospital de Januária deverá ter o alvará sanitário – Foto: José Maria Guedes

 

O TAC foi assinado entre o Ministério Público estadual, através dos promotores Dr. Jorge Botelho Coordenador Regional e Dr. Leandro Barbosa da comarca de Januária, juntamente com o prefeito da cidade, Dr. Marcelo Félix, o diretor administrativo do Hospital Jailton Xavier, o secretário de saúde, Deyvison Diaz, a procuradora jurídica do município, Dra Renata Magalhães e as técnicas e analistas da vigilância sanitária.

Os promotores públicos vêm articulando diversas reuniões nos últimos meses na busca de uma solução para a saúde da cidade. O promotor Dr. Leonardo Barbosa, reconheceu na manhã desta segunda-feira (13), na primeira reunião do dia com secretários de saúde e lideranças presentes, que a falta de médico não é um problema vivido, apenas, por Januária, mas por diversas outras cidades, mas que o município teria que resolver essa demanda.

A emissão do Alvará Sanitário de funcionamento para o Hospital Municipal de Januária, entre outras ofertas de serviços, possibilitará a realização de cirurgias eletivas na unidade hospitalar. Tão importante quanto às cirurgias eletivas, será o acesso às verbas estaduais, como o Pro-Hosp, programa do governo do estado para o fortalecimento dos hospitais. A abertura do Bloco Cirúrgico para cirurgias eletivas não implicará em aumento de verbas para a instituição, mas oferta de serviço, que por sua vez demandará de mais verbas para sua manutenção.

No TAC ficou acordado um prazo de até 60 dias para esta liberação do Alvará Sanitário, com o termino de medidas essenciais e, após, mais120 dias para conclusão total destas reestruturações alavancadas pela Vigilância.

Por Ricardo Soares

 

Aviso: Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *