SMART FIT - MONTES CLAROS

Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Situação dos moradores de rua preocupa a Câmara Municipal de Montes Claros

Montes Claros – Situação dos moradores de rua preocupa a Câmara Municipal de Montes Claros

Montes Claros – Situação dos moradores de rua preocupa a Câmara Municipal de Montes Claros

Montes Claros – Vereadores da Câmara de Montes Claros voltaram a pedir providências a respeito da grande quantidade de pessoas em situação de rua, espalhadas pela cidade. O problema tem se agravado, chegando ao ponto da Biblioteca Municipal ter que reduzir o horário de funcionamento, no período noturno, uma vez que o local vinha sendo usado de forma incorreta por moradores de rua.

Montes Claros - Situação dos moradores de rua preocupa a Câmara Municipal de Montes Claros
Montes Claros – Situação dos moradores de rua preocupa a Câmara Municipal de Montes Claros

 

Em Montes Claros ainda não existe um abrigo que possa acolher pessoas nesta situação – o Centro Pop não tem estadia. No local são oferecidas duas refeições diárias e os moradores podem tomar banho e também participar de atividades educacionais. Com isso as pessoas em situação de rua tem utilizado os principais pontos da cidade como abrigo, a exemplo da Praça da Matriz e rodoviária.

O Vereador Edmilson Magalhães (PSDB) pediu providências na solução do problema. Aproveitou para cobrar a instalação da Casa de Apoio à Pessoa em Situação de Rua, que seria implantada na Vila Mauricéa. “A Câmara já promoveu várias audiências públicas sobre o assunto, mas nada resolveu. O número de moradores de rua praticamente triplicou e nenhuma providência foi tomada. O secretário de Desenvolvimento Social, Aurindo Ribeiro, não está cumprindo seu papel”, disse Magalhães.

O Vereador Oliveira Lega (Cidadania) também reclamou sobre a omissão do secretário, principalmente em atender as demandas dos parlamentares. “Aurindo Ribeiro não atende os vereadores e com isso a situação só agrava mais”, pontuou Lega.

Para o parlamentar Sérgio Pereira (DC), a Praça da Matriz virou “casa” para morador de rua. No local, existem diversas barracas de camping, colchões e fogões improvisados. Já o Vereador Ailton do Vilage (PHS) falou sobre um ponto de ônibus localizado na região do grande Vilage que virou abrigo.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Social, Aurindo Ribeiro, um abrigo será inaugurado em outubro, na Vila Oliveira. “O empreendimento está em fase final. O espaço está sendo feito para abrigar 60 pessoas – serão oferecidos refeições, lavanderia e atividades educacionais e profissionalizantes”.

Aviso

  • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *