SMART FIT - MONTES CLAROS

Turbo Pesquisa - CLIQUE AQUI PARA MIAS INFORMAÇÕES
Inicio » Mais Seções » Saúde » Saúde – Amamentação reduz 50% a chance de desenvolver diabetes

Saúde – Amamentação reduz 50% a chance de desenvolver diabetes

Saúde – Amamentação reduz 50% a chance de desenvolver diabetes

Um estudo publicado na revista científica Jama Medicina Interna aponta que a amamentação reduz quase 50% a chance de uma mulher desenvolver diabetes. Além disso, a lactação atua no combate à obesidade e até ao câncer de mama.

Saúde - Amamentação reduz 50% a chance de desenvolver diabetes
Saúde – Amamentação reduz 50% a chance de desenvolver diabetes

 

No entanto, a Organização Mundial da Saúde (OMS) sugere que a amamentação ocorra até os seis meses de vida do bebê. Porém, no Brasil a prática dura em média 54 dias, de acordo com o governo federal.

Stefanie Stopato, membro do Comitê de Aleitamento Materno da Associação de Ginecologistas e Obstetras de Minas Gerais afirmou que o excesso do estímulo de estrogênio ao longo da vida pode provocar alterações negativas no corpo da mulher.

Stopato ainda disse que a produção de leite inibe o hormônio e o mantém estável. Sendo assim, a gestação aumenta o útero de tamanho para acomodar o bebê, e a amamentação é o principal estímulo para que o órgão volte ao normal.

A produção de leite também faz com que o organismo da mãe gaste mais energia e o resultado é a menor incidência de diabetes, já que melhora a função pancreática.

A amamentação ainda leva à redução da obesidade no período pós-parto. O endocrinologista, Adalto Versiani informa que a mulher chega a perder entre 600 gramas a 800 gramas por mês com o aleitamento.

Conforme o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a produção de leite ainda reduz até 6% a chance de desenvolver a doença.

Isso acontece devido a sucção que faz uma espécie de esfoliação do tecido mamário, ou seja, elimina e renova células agredidas.

Aviso

  • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *