Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Papagaio alerta dona sobre ladrão dentro de casa e recebe elogio de juiz

Papagaio alerta dona sobre ladrão dentro de casa e recebe elogio de juiz

Um papagaio dedurou um ladrão após ele invadir a residência da sua dona, em Monmouth, no País de Gales. A ave, chamada Charlie, começou a gritar assim que viu o criminoso. Logo, Emma Dazeley, de 41 anos, acordou e foi verificar o que estava acontecendo.

Papagaio alerta dona sobre ladrão dentro de casa e recebe elogio de juiz
Papagaio alerta dona sobre ladrão dentro de casa e recebe elogio de juiz

 

O ladrão estava escondido atrás de uma porta. Emma acabou reagindo, mas o criminoso conseguiu se esquivar e correr até a porta dos fundos.

“Ele tentou pular uma cerca, mas Emma o agarrou”, explicou o promotor público Matthew Roberts, de acordo com o “Sun”.

O invasor, identificado como Jake Fletcher, de 24 anos, deixou uma sacola com videogames e garrafas de bebida cair no local. Logo, a polícia conseguiu localizá-lo e prendê-lo. Jake já havia invadido outras duas casas da região.

O ladrão foi condenado a dois anos de prisão, conforme decisão do juiz Richard Williams, que não aceitou o argumento da defesa de que ele teria problemas com álcool.

A atitude do papagaio e a coragem de Emma foram elogiadas pelo magistrado. A ave e sua dona receberam um cheque de 500 libras (cerca de R$ 3.270).

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *