Últimas Notícias

Norte-americana é acusada de matar as duas filhas para vender os órgãos

Norte-americana é acusada de matar as duas filhas para vender os órgãos

A mãe das vítimas já teve passagem pela polícia em 2017 após danificar uma propriedade privada 

Norte-americana é acusada de matar as duas filhas para vender os órgãos
Norte-americana é acusada de matar as duas filhas para vender os órgãos Foto: Reprodução/Internet

 

Uma mulher, de 26 anos, foi acusada e presa por matar as duas filhas na intenção de vender seus órgãos, em Las Vegas, nos Estados Unidos. As crianças, de dois meses e um ano, foram vítimas de afogamento, na última sexta-feira (6), pela mãe, Amanda Sharp-Jefferson.

O boletim de ocorrência do crime informou que quem encontrou as meninas mortas foi o pai, Jakywon Singleton. Ao ser questionado, ele contou aos policias que Amanda tentou fazê-lo ficar calado, dizendo que os órgãos valiam muito dinheiro.

Já a criminosa explicou à polícia que poderia ter sido uma armadilha, que ela não tinha filhos e não conhecia Jaykwon. O casal está junto há dois anos, desde 2018 eles vivem na mesma residência.

Amanda já teve passagem pela polícia, em 2017, quando foi acusada de danificar propriedade privada, mas o caso foi arquivado. O companheiro dela afirmou que eles não enfrentavam problemas e que a namorada não apresentava comportamento estranho.