Últimas Notícias

Montes Claros – Vacinação contra Covid-19 é estendida a todos os profissionais do Dilson Godinho

Montes Claros – Vacinação contra Covid-19 é estendida a todos os profissionais do Dilson Godinho

Montes Claros – A Secretaria Municipal de Saúde iniciou na manhã desta terça-feira (26/01) a vacinação de todos os profissionais do Hospital Dilson Godinho contra o Coronavírus Covid-19. No começo da semana foi iniciada a vacinação dos profissionais que atuam diretamente no atendimento aos pacientes com sintomas do Covid-19.

Montes Claros - Vacinação contra Covid-19 é estendida a todos os profissionais do Dilson Godinho
Montes Claros – Vacinação contra Covid-19 é estendida a todos os profissionais do Dilson Godinho Ascom Hospital Dilson Godinho

 

Os profissionais da área da saúde estão entre os grupos prioritários para receber a vacina contra o coronavírus. Segunda-feira, a Secretaria Municipal de Saúde iniciou o atendimento aos profissionais que atuam diretamente com os pacientes suspeitos e em tratamento da doença. O Dilson Godinho mantém atualmente 19 leitos para pacientes com Covid-19, sendo dez leitos no Centro de Terapia Intensiva e mais nove em ala clinica reservada.

Na segunda-feira a SMS iniciou a vacinação dos funcionários que atuam diretamente no atendimento dos pacientes com a doença e, hoje, comunicou que todos os profissionais da instituição serão vacinados. Nesta terça-feira, foram liberadas mais 612 doses da vacina Coronavac, suficientes para atender a todos os profissionais que atuam na instituição. A vacinação deve continuar na próxima sexta-feira (29/01). No ato da vacinação são exigidos dos funcionários o CPF, o cartão SUS, cartão de vacinação e documento funcional. Não serão vacinadas gestantes/lactantes que não apresentarem relatório médico e pessoas com diagnóstico positivo de COVID-19 nos últimos 30 dias.

A diretoria do Dilson Godinho se empenhou em conseguir a imunização para todos os funcionários, considerando o risco da grande maoria dos profissionais contrairem e transmitirem a doença, pois mensalmente, cerca de 18 mil pacientes são atendidos nas diversas unidades do Hospital Dilson Godinho, a grande maioria nas unidades de Oncologia, Hemodiálise e Cardiologia. Desde o início da pandemia que alguns procedimentos eletivos foram suspensos por parte das autoridades da área da saúde, mas, nos casos de câncer, o Hospital não pode recusar novos pacientes e o tratamento não pode ser postergado, sob pena de colocar em risco a vida destes pacientes, considerados  imunossuprimidos e que fazem parte do grupo de maior risco de contrair o Coronavírus.

Desde o início da pandemia foram tomadas todas as precauções para garantir a segurança de pacientes e profissionais, através de monitoramento e controle rígidos no acesso às dependências do hospital, assim como implantação de  medidas severas de proteção e higienização. A vacinação garante a estes profissionais maior tranquilidade para prestar um atendimento seguro aos que vão precisar até que toda a população seja imunizada.